segunda-feira, 1 de agosto de 2022

Especulado no Fla, Rossi vive impasse com o Boca e pode sair; jornal detalha




Espn: Após as transferências de Eduardo Salvio ao Pumas, do México, e de Cristian Pavón ao Atlético-MG, o Boca Juniors tenta agir rápido para impedir a saída de mais um nome forte do elenco. De acordo com informações publicadas pela TyC Sports na última semana, Agustín Rossi, goleiro da equipe, recebeu uma oferta de renovação de contrato em mãos.



A publicação informou ainda que nos últimos dias o goleiro está na mira do Flamengo, que busca um outro nome para suprir uma futura saída de Diego Alves e que integre o elenco ao lado de Santos e Hugo Souza. O Boca Juniors aposta em uma ‘proposta gigante’, segundo Jorge Bermúdez, dirigente da equipe argentina.

Porém, o que parecia ser uma negociação um tanto quanto simples tem se transformado em uma ‘novela’ na Argentina. O diário Olé informou no último sábado que Rossi recusou uma oferta inicial realizada por Juan Román Riquelme e fez uma contraproposta, que foi rechaçada pelo Boca.



O clube fez uma nova oferta e que ainda não teria sido respondida por Rossi. De acordo com o diário argentino Olé, havia um prazo pré-estabelecido até o último sábado para um acerto. No entanto, a ausência de resposta do estafe de Rossi fez com que houvesse um certo ‘mal-estar’ entre as partes.

A grande preocupação do Boca Juniors por um acerto rápido com Rossi é o fato de que, caso não aconteça a renovação, o clube teria que correr contra o tempo para achar um substituto à altura. O Olé informa que o Boca teria até o dia 8 de agosto para trazer um novo atleta. Caso contrário, um goleiro de fora só poderia ser contratado a partir de janeiro de 2023.



A ESPN apurou que as negociações envolvendo Boca e Rossi seguem ativas, mas que ‘não são simples’. Apesar de um interesse de outras equipes no goleiro, os Xeneizes têm a preferência pela negociação de renovação.

A reportagem pôde saber ainda que o estafe do atleta não foi procurado pelo Flamengo e que uma suposta sondagem da equipe brasileira teria sido realizada diretamente ao próprio Boca Juniors.

Com 26 anos, Rossi tem contrato válido até o final do mês de junho de 2023. Com isso, a partir do final de janeiro de 2023, caso não aconteça uma renovação, o goleiro ficará livre para assinar um pré-contrato com qualquer time.



- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário