sexta-feira, 22 de julho de 2022

O plano de Dorival: Flamengo roda elenco e mantém intensidade em maratona de jogos; veja minutagens




Lance!: Dorival Júnior tem um plano. Em meio à intensa maratona de jogos, o treinador tirou o Flamengo da crise e devolveu o ânimo da torcida para o resto da temporada. Por trás das classificações e das vitórias recentes, uma estratégia bem definida: rodar o elenco e, assim, manter a alta intensidade da equipe em todas as partidas. 



Os frutos dessa estratégia são visíveis. Em uma sequência de oito jogos nos últimos 25 dias, o Flamengo teve um aproveitamento impressionante, com sete vitórias e apenas uma derrota - o 1 a 0 sofrido para o Corinthians. Neste período, o clube avançou de fase na Copa do Brasil e Libertadores, além de se aproximar dos líderes do Brasileirão.

Desde a vitória de 3 a 0 sobre o América-MG, Dorival utilizou todos os 25 jogadores de linha do elenco rubro-negro. Algumas decisões foram determinadas por suspensões e lesões de titulares, como os casos de João Gomes e Rodrigo Caio. Mas, no geral, o treinador adotou a postura de rodar o elenco, descansando os principais atletas e dando chance para todos mostrarem serviço. 



O único jogador que não saiu de campo nos últimos oito jogos foi o goleiro Santos. Em grande fase na meta rubro-negra, ele somou todos os 720 minutos disputados pela equipe no período. Entre os atletas de linha, por outro lado, apenas Thiago Maia (596), Rodinei (533) e Gabigol (521) ultrapassaram a marca de 500 minutos jogados.
Confira, ao fim da matéria, o quadro de minutagem do elenco do Flamengo.

EQUILÍBRIO NOS NÚMEROS E INTENSIDADE ALTA

Se não bastasse apenas entrar em campo, quase todos os jogadores de linha do Flamengo foram titulares ao menos uma vez desde 25 de junho. A única exceção é Everton Cebolinha, que estreou contra o Juventude, na última quarta-feira.



Além de facilitar a gestão do grupo, o rodízio adotado por Dorival Júnior se reflete no equilíbrio de minutagem dos jogadores e na intensidade constante nas partidas, algo importante para o estilo de jogo do Flamengo.

- Acho que temos que ter calma com isso, o time ideal é relativo. Todos os jogadores estão participando. Nas últimas partidas, todos os jogadores do elenco, com exceção dos goleiros, participaram. Todos iniciaram pelo menos uma partida. Titularidade eu acho que é isso - disse Dorival após a goleada sobre o Juventude.

Com o duelo com o Athletico na próxima quarta-feira, pela Copa do Brasil, a tendência é que Dorival mantenha a rotatividade na partida contra o Avaí, no domingo. Nomes que jogaram pouco ultimamente, como Matheuzinho, Fabrício Bruno, Lázaro e Cebolinha, devem receber chance na Ressacada para tornar o quadro de minutagem ainda mais equilibrado.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário