domingo, 19 de junho de 2022

Vice do Flamengo chama Atlético-MG de 'provinciano' e diz que coletará denúncias de abuso de autoridade para ir ao STJD




ESPN: O domingo (19) de Rodrigo Dunshee de Abranches, vice-presidente jurídico do Flamengo, foi muito agitado nas redes sociais.



Após usar seu Twitter para falar sobre a situação do pagamento da multa rescisória do ex-técnico Paulo Sousa, ele seguiu ativo na web para comentar denúncias feitas por torcedores rubro-negros.

Ocorre que, antes do jogo com o Atlético-MG, em Belo Horizonte, diversos fãs da equipe carioca reclamaram de abuso de autoridade por parte da Polícia Militar de Minas Gerais.



Um vídeo que circula nas redes, por exemplo, mostra um casal de torcedores do Fla sendo derrubado por um cavalo da PM, que escoltava a dupla até a entrada visitante do Mineirão.

"Torcedores comuns, longe de baderna, sequer fazendo provocações, apanhando gratuitamente. Não dá mais. E isso é apenas reflexo das falas dos dirigentes babacas e do ídolo já contaminado. Inveja e frustração de décadas convertida em ódio. E a cada ano a coisa piora. Em todos os estádios", reclamou o perfil @SiteResenha, que postou o vídeo.



Dunshee, por sua vez, chamou o Galo de "provinciano" e prometeu juntar denúncias feitas pela torcida para entrar com uma representação no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

"O clube local está sendo provinciano. Vamos coletar as denúncias e oferecer uma representação ao STJD. O STJD tem sido justo em impedir abusos do mandante", escreveu.

Apesar da confusão, não houve registros confirmados de briga entre torcedores de Atlético e Flamengo antes do duelo na capital mineira.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Fábio Barros/Agência F8/Gazeta Press

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário