Flamengo quer acareação entre Diego Alves e Paulo Sousa




Extra: O Flamengo programou uma acareação entre o goleiro Diego Alves e o técnico Paulo Sousa para depois do treinamento desta quinta-feira, no Centro de Treinamento Ninho do Urubu. O jogador não gostou das declarações do técnico após a vitória sobre a Católica, jogo da Libertadores para o qual o atleta não foi relacionado por se recuperar de dores no púbis. Após a entrevista, Diego Alves fez uma postagem no Instagram com a foto do ex-atacante Adriano e a frase dita por ele: "Que Deus perdoe essas pessoas ruins".



Aos 36 anos, Diego tem apenas duas partidas em 2022, e vê seu contrato se encerrar em dezembro sem perspectiva de voltar a atuar. A última vez que foi barrado, em 2018, também desatou problemas com outro treinador, o brasileiro Dorival Júnior. Na ocasião, o goleiro forçou a saída do Flamengo para o mundo árabe, até que em 2019 a atual diretoria assumiu, trocou o técnico, e manteve o goleiro. Campeão da Libertadores e do Brasileiro, Diego Alves conseguiu status de líder do elenco. E tem ótima relação com os também experientes Filipe Luís e Diego Ribas.

O tratamento dado a Diego Alves por parte da nova comissão técnica passa por ignorar o passado recente no clube e pensar apenas no presente. Por isso, o preparador Paulo Grilo entendeu que o jovem Hugo poderia ser titular, por ter mais qualidades a desenvolver e a parte física melhor trabalhada. Preterido, Diego Alves se dedicou, emagreceu, mas seguem sem oportunidades. A lesão no púbis alegada recentemente aconteceu antes de Hugo falhar em sequência. E sem treinar, o veterano se colocou à disposição da diretoria para voltar a jogar. Paulo Sousa não gostou e reuniu o grupo para avisa que Hugo jogaria contra a Catolica pela Libertadores. Após a partida contra a Católica, deu detalhes sobre a situação.



- O Diego [Alves], após o jogo do Botafogo, onde fez o aquecimento, no dia seguinte ele reportou ao departamento médico dores no púbis um pouco dispersas. O departamento fez uma ressonância, temos que confiar no jogador. Nem tudo vai ter algo gráfico. Todos os dias um colaborador meu fala com todos os jogadores para ter sensações e perceber que nível de dor ou contrações musculares ou se dormiu bem ou mal. Para podermos ir ajustando o tipo de trabalho e as ações. Ontem [segunda] de manhã ele continuava a ter dores. À tarde, o nosso fisioterapeuta disse que o Diego estava melhorzinho, que se sentia capaz para poder treinar. Se vocês verificarem o que são dores no púbis e o tempo que leva para recuperação, não pode ser de um dia para o outro. Ou por uma reunião que teve com o Bruno Spindel na hora do almoço. E que rapidamente se recuperou e podia estar disponível para jogar - afirmou Paulo Sousa.

Procurado, o diretor Bruno Spindel não se posicionou.

A tentativa de forçar o retorno não é a primeira. Diego Alves ficou fora da estreia de Paulo Sousa no jogo contra o Boavista por dores no joelho. Dias depois, véspera do Fla-Flu, treinou e queria jogar. Mas a comissão técnica já havia optado por apostar em Hugo. Paulo Sousa e Paulo Grilo mostraram pela primeira vez que sob suas regras os atletas que não treinassem ao longo da semana não serial relacionados. Diego Alves não gostou e o conflito se armou, de forma velada desde então.

A partir desse embate, o Flamengo aguarda o jogador trazer propostas para que a saída seja antecipada e não dependa do fim do contrato. O atleta, por sua vez, indicou que vai cumprir o acordo até dezembro, até por ser mais velho, com salário alto, e não ter mercado que o custearia no Brasil. A janela internacional a partir de julho é a última esperança de uma solução que agrade a todos.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.