sexta-feira, 12 de novembro de 2021

Roupeiro diz que Flamengo 'foi outro' em Lima após palavra de Diego: 'Gabigol fez dois, mas ele ganhou a Libertadores'




ESPN: O Flamengo está na final da Conmebol Libertadores contra o Palmeiras, no dia 27 de novembro, em jogo que terá transmissão do FOX Sports e cobertura completa pela ESPN no Star+. No entanto, a edição de 2019 segue viva no clube.



Perto de completar dois anos do histórico título em Lima, o Flamengo divulgou uma matéria especial com o roupeiro Moisés. E o funcionário do clube relembrou o que, segundo ele, fez a diferença para o time virar aquela partida no Peru: a presença de Diego Ribas.

Reserva na partida, o camisa 10, de acordo com Moisés, foi fundamental antes mesmo de entrar em campo. Na roda antes de retornar para o segundo tempo, Diego foi quem puxou a palavra para motivar os companheiros.



Na metade do segundo tempo, Diego foi acionado para entrar na vaga de Gerson e empurrou o time para a virada. Para Moisés, 'meia Libertadores' é do camisa 10.

"Lembro que o Gabigol meteu dois, Arrascaeta deu o passe incrível, mas o que achei mais incrível foi o Diego Ribas. O comportamento dele, um cara extraordinário, cara de grupo", afirmou Moisés, completando.



"O que ele falou no vestiário, ele mudou o cenário quando o time voltou pro segundo tempo. O Gabigol fez dois gols, mas ele ganhou a Libertadores. O cara tem o dom da palavra", afirmou.

Ainda durante o vídeo, Moisés ainda contou sobre a cena de Gabigol tocar na taça antes da partida. Segundo ele, foi um pedido de Diego ao atacante.

"Ele falou para o Gabigol. Coloca a mão na taça. A bíblia diz: 'onde você bota a mão é seu'. Ele ganhou meia Libertadores", finalizou.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário