quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Flamengo recebe R$ 17 milhões referente a primeira parcela de parceria com empresa de 'Fan Token'




Por Venê Casagrande | O Dia: Além dos US$ 6 milhões (cerca de R$ 33 milhões) pela classificação à final da Libertadores, o Flamengo receberá mais US$ 3,750 milhões (em torno de R$ 17,6 milhões) referentes a primeira parcela do contrato firmado com a Sócios.com, empresa responsável pela produção do Fan Token rubro-negro, a criptomoeda que se chamará $MENGO e será lançada nos próximos dias.




Por contrato, a empresa deveria depositar US$ 1,75 mi referente a Licenciamento de Marketing e US$ 1,75 milhões relativo a royalties, até dez dias após o acordo ser aprovado no Conselho Deliberativo do Flamengo, o que aconteceu no dia 14 de setembro.

O vínculo entre Flamengo e Socios.com é válido até dezembro de 2025 (quatro anos e três meses de duração) e renderá aos cofres do clube, pelo menos, US$ 27,25 milhões, cerca de R$ 150 milhões pela cotação atual.



A reportagem teve acesso ao documento assinado pelas partes, e o Flamengo receberá até 2025 da seguinte forma:

Licenciamento de Marketing:

Recebe US$ 13,75 milhões no total:

2021: US$ 1,75 mi (pagos até dez dias após aprovação no Conselho Deliberativo)

2022: US$ 3 mi (pagos em 2 parcelas)

2023: US$ 3 mi (pagos em 2 parcelas)

2024: US$ 3 mi (pagos em 2 parcelas)

2025: US$ 3 mi (pagos em 2 parcelas )

Royalties:

Recebe, PELO MENOS, US$ 13,5 milhões:

2021: US$ 1,5 mi (até dez dias após aprovação no Conselho Deliberativo)

2022: US$ 3 mi (pagos em três parcelas)

2023: US$ 3 mi (pagos em três parcelas)

2024: US$ 3 mi (pagos em três parcelas)

2025: US$ 3 mi (pagos em três parcelas)

*Se o Flamengo bater metas de vendas, o valor de royalite será ainda maior.

Como o Flamengo divulgou, a empresa responsável pelo Fan Token terá direito também a expor a marca nas seguintes propriedades:

- camisa de treino do time de futebol masculino profissional

- camisa de jogo do time feminino e das categorias de base

- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário