segunda-feira, 6 de junho de 2022

Flamengo teve semana livre, com dois dias de folga antes de derrota para o Fortaleza




Coluna do Fla: Mais de 63 mil torcedores do Flamengo compareceram ao Maracanã neste domingo (05), contudo, o dia foi de decepção. Mesmo com o forte apoio da torcida, a equipe perdeu por 2 a 1 para o Fortaleza. A atuação abaixo do esperado foi um duro golpe para rubro-negros, que esperavam uma exibição de alto nível após seis dias para se preparar.



Antes de encarar o Fortaleza, o último jogo do Fla havia sido contra o Fluminense, no domingo passado (29). Desde então, a equipe recebeu dois dias de folga e voltou a trabalhar apenas na quarta-feira (02). Mesmo com o tempo para descansar, ainda restaram quatro dias para treinos, que não parecem ter sido o suficiente para desenvolver uma estratégia capaz de superar o lanterna do Brasileirão.

Do outro lado, o Fortaleza não teve as mesmas ‘regalias’ do Fla. A equipe enfrentou um jogo duro contra o Ceará, na noite da quarta-feira (02), no qual teve um jogador expulso aos 20 minutos do primeiro tempo, fator que aumentou o desgaste dos atletas. Depois do clássico, no qual o time foi derrotado por 1 a 0, o técnico Vojvoda teve apenas três dias de preparação, contando ainda com uma viagem de mais de 2.600 km, entre a capital cearense e o Rio de Janeiro.



Com a derrota, o Flamengo caiu duas posições na tabela do Brasileirão, indo para décimo lugar. Junto a isso, a distância para a liderança também aumentou: agora, seis pontos separam o Rubro-Negro do Corinthians, atual dono da primeira posição. Para tentar reduzir o prejuízo, o Fla busca a recuperação na quarta-feira (08), quando enfrenta o Red Bull Bragantino, às 20h30 (horário de Brasília), no estádio Nabi Abi Chedid.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário