quinta-feira, 16 de junho de 2022

Diretor do Benfica vem ao Brasil fechar venda de Cebolinha e tentar contratação de alvo do Flamengo




GE: É questão de tempo para Everton Cebolinha ser oficializado como jogador do Flamengo.

Com os termos da negociação encaminhados, o diretor executivo do Benfica, Rui Pedro Braz, desembarca no Rio de Janeiro nesta quinta-feira para concluir o negócio e assinar a venda por 16 milhões de euros entre valor fixo e aditivos. O atacante assinará com o Rubro-Negro por cinco anos.



Ao longo da quarta-feira, Flamengo, Benfica e Everton trataram das pendências para conclusão da negociação. Os portugueses exigiram bonificação que elevasse o valor final a 16 milhões de euros (R$ 84 milhões) e tiveram que flexibilizar no montante fixo, que ficou em 13,5 milhões de euros (R$ 71,3 milhões) diluídos em parcelas ao longo de pouco mais de três anos.

Com as bonificações, o pagamento será proporcional ao tempo de contrato de Cebolinha com o Flamengo. Por mais que o valor fixo seja de 13,5 milhões de euros, os portugueses tratam a negociação na casa dos 16 milhões de euros, visto que as metas individuais e coletivas estabelecidas em contrato são tratadas como protocolares diante do que se espera de rendimento de um atleta do nível de Everton e das expectativas rubro-negras, como participação em Libertadores.



Com a vinda de Rui Pedro Braz ao Rio de Janeiro, as partes tratam o acordo como praticamente definido. O diretor executivo encarnado vem à América do Sul também para iniciar as tratativas por reforços para o treinador alemão Roger Schmidt. Curiosamente, entre eles um dos alvos recentes do Flamengo: Enzo Fernández.

No fim de maio, o clube carioca enviou intermediários a Buenos Aires para oferecer ao River Plate 12 milhões de euros pelo meio-campista de 21 anos. A negativa veio junto com a exigência de valores entre 15 e 18 milhões de euros pelo jogador, que está no radar benfiquista após a venda de Darwin Núñez para o Liverpool.



Desde a recusa do River, há três semanas, o Flamengo mudou o alvo e optou pelo investimento em Cebolinha. O movimento, por sua vez, chamou a atenção dos argentinos para o poderio financeiro rubro-negro.

Prestes a concluir a transação por Cebolinha, o Flamengo segue em busca de um volante box-to-box para atacar suas maiores carências no mercado. Faltando 15 dias para o fim do contrato, o clube ainda não se movimentou oficialmente sobre a compra ou não de Andreas Pereira.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário