Idealizado por Braz, encontro com organizadas vira impasse e aumenta insatisfação no futebol do Flamengo




Espn: O vice de futebol Marcos Braz idealizava para a quinta-feira (7) uma conversa no Ninho do Urubu entre os líderes das torcidas organizadas e atletas. A intenção era cobrar os jogadores após terem ido ao aeroporto e não conseguirem contanto com o plantel. A solução encontrada por Braz foi convocar esse encontro no clube.



Só que o departamento de futebol comandado pelo vice Marcos Braz e o diretor executivo Bruno Spindel, como o ESPN.com.br trouxe na última terça-feira (5), está cada vez mais distante do presidente Rodolfo Landim, que não gostou de uma marcação dessa reunião. No entanto, por dar autonomia ao futebol, decidiu não se meter. Presidência, departamento de futebol e jogadores não falam mais a mesma língua e externam toda a confusão que existe no Ninho.

Antes em sintonia com o elenco, a dupla viu o primeiro episódio público dar cada vez mais mostras de como está o ambiente no Ninho. Além disso, a ausência do cartola em Lima para resolver problemas do futebol no Rio de Janeiro agravou a situação com o grupo.



Na chegada ao Rio de Janeiro, o capitão Everton Ribeiro falou com a imprensa. Questionado sobre o encontro com torcedores, o camisa 7 disse que não sabia de nada. Além disso, o meia não considerou a conversa como algo agradável.

"Essa reunião eu não fui informado, vamos ver o que vai acontecer. Acho que essa cobrança é natural, tem que estar vencendo, melhorando. Nosso grupo gostra de vencer, jogar bem. A gente está procurando melhorar e acertar o que vem errando para dar sequência boa na temporada. A gente tem tudo para terminar o ano com título", afirmou o capitão, que completou.



"Acho que o importante é estar em uma sintonia, eles apoiando, podendo nos ajudar dentro de campo e a gente dentro de campo mostrar que estamos correndo. Acredito que a gente possa nos unir cada vez mais para um ano vencedor", finalizou.

Em contato com a rádio Jovem Pan, Marcos Braz, antes da declaração de Everton Ribeiro, já tinha deixado claro ao afirmar que elenco estava ciente desse encontro, que foi divulgado pelas organizadas na última segunda-feira.

"Você acha que eu seria idiota, burro ao extremo, com 50 de anos de futebol, de marcar uma reunião com organizadas sem o conhecimento dos jogadores? Pode me chamar de tudo, até de gordo, mas não me chama de burro porque não sou", disse Braz à rádio Jovem Pan.

Depois de toda a confusão após a vitória na estreia da Libertadores, a reunião do elenco com os líderes da torcida vive um impasse. Como informado pelo site ge, o encontro não deve acontecer no Ninho do Urubu, mas sim em um local neutro e com apenas alguns jogadores do plantel.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Internet

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.