Cenas de racismo, agressões com pedras, latas e rojões deixam criança e idoso feridos em jogo do Flamengo no Chile, clube exige punição




Segundo informações do site Gazeta Esportiva, a partida entre Flamengo e Universidad Católica-CHI, nesta quinta-feira, ficou marcada por cenas de racismo e violência nas arquibancadas do Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago, no Chile.



Em duelo válido pela Libertadores, imagens flagraram um torcedor do time da casa imitando macaco e outros atirando objetos na torcida flamenguista. Uma criança chegou a ser ferida, segundo o clube.

Em suas redes sociais, o Flamengo se pronunciou sobre os acontecimentos e exigiu atitudes da Conmebol.

“Na noite desta quinta-feira, no estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago, no Chile, aconteceram cenas lamentáveis de racismo, lançamento de pedras, garrafas e sinalizadores (uma criança foi ferida) da torcida adversária em direção aos torcedores rubro-negros, durante a partida entre Universidad Católica X Flamengo, pela 3ª rodada da fase de grupos da Conmebol Libertadores. Não aguentamos mais isso! Medidas severas precisam ser tomadas”, publicou, marcando o perfil da entidade.


Junto com o texto, o Rubro-Negro postou um vídeo no qual os torcedores do time chileno se dirigem à torcida brasileira imitando macacos.



Na sequência, o clube adicionou outra gravação na qual é possível ver um torcedor da Universidad Católica arremessando um sinalizador na torcida flamenguista.

Do NF: Além da criança relatada pelo perfil do clube, um idoso também saiu ferido das agressões provocadas pelos torcedores da Católica, imagens divulgadas pelo jornalista Gabriel Reis que estava presente no meio da torcida do Flamengo mostram as agressões e as duas pessoas feridas, veja abaixo:








- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Reprodução Paparazzo Rubro-negro

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.