domingo, 26 de dezembro de 2021

Lewandowski ficou 'chocado' com Paulo Sousa por trocar Polônia pelo Flamengo, diz assessora




Espn: Principal jogador da seleção da Polônia, o atacante Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, parece não ter ficado nada feliz com a notícia de que o técnico Paulo Sousa irá trocar a equipe nacional pelo Flamengo.



Em comunicado enviado ao portal polonês Interia, a assessora de imprensa do centroavante, Monika Bondarowicz, foi sincera ao expressar a reação de seu cliente quando soube da movimentação do comandante português no mercado da bola.

"Robert ficou chocado e surpreso com a decisão tomada pelo técnico Paulo Sousa", escreveu a profissional.

Segundo apurou a ESPN, o Flamengo chegou a um acordo de dois anos com Paulo Sousa e está apenas do distrato do treinador com a Polônia para oficializar o acordo. Só que o vazamento da notícia fez os planos do técnico antes da despedida oficial irem por terra.



A intenção do comandante era conversar com todos os jogadores antes de deixar a seleção e rumar ao Brasil. E um papo especial seria feito com Lewandowski, capitão e principal nome da equipe. No entanto, o contato, se for feito, será após conhecimento público do acerto com o Rubro-Negro.

Para deixar a seleção da Polônia, Paulo Sousa vai ter que pagar uma multa rescisória de 300 mil euros, cerca de R$ 1,9 milhão. A relação com a federação não é boa, ainda mais após o presidente da entidade, Cezary Kulesza, detonar o treinador e o chamar de irresponsável pelo acordo com os cariocas.



Na negociação com o português, o Flamengo assinará por dois anos (Do NF: segundo outras informações seria um ano) com o treinador. Além disso, permitirá que o profissional venha trabalhar com uma comissão técnica mais robusta, diferente do que aconteceu com Domènec Torrent, Rogério Ceni e Renato Gaúcho, ambos apenas com auxiliares. Ao todo, Sousa terá seis membros na comissão técnica.

A intenção do Flamengo é ter o luso já na reapresentação do clube, marcada para o dia 10 de janeiro, no Ninho do Urubu. O treinador ficará alguns dias na Europa para agilizar questões burocráticas e finalizar a mudança.



Aos 51 anos, ele acumula passagens por clubes da Europa, em especial na Inglaterra. Paulo Sousa já treinou o QPR e o Leicester City, além do Swansea, de País de Gales.

Além disso, comandou o Videoton, da Hungria, Maccabi Tel Aviv, de Israel, Basel, da Suíça, Fiorentina, na Itália, Tiangin Quantian, da China, e o Bordeaux, na França.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário