quinta-feira, 23 de dezembro de 2021

Flamengo ultrapassa Palmeiras e se torna o uniforme mais valioso do país; veja números




Espn: O Conselho Deliberativo do Flamengo aprovou, na noite da última quarta-feira (22), os contratos de patrocínio de Havan, ABC da Construção e PixBet. Os três patrocinadores farão com que o Rubro Negro consiga um feito. Terá o uniforme mais valioso do Brasil em 2022, com oito contratos de patrocínio que somarão mais de R$ 100 milhões aos cofres do clube.



A PixBet é a grande novidade na camisa para 2022. A marca de apostas que decidiu invadir o mercado brasileiro (tem outros sete times, entre eles o Vasco) pagará R$ 24 milhões por ano para estar na omoplata da camisa flamenguista. É, em valores absolutos, o segundo maior contrato de patrocínio, perdendo apenas para o banco BRB, que ocupa a cota máster, de maior exposição na camisa.

O acordo foi o que assegurou para o Flamengo o status de camisa com maior valor de patrocínio no país. Desde o ano passado, quando contratou Rafael Ganem, um executivo da área comercial da Globo, para cuidar de novos contratos de patrocínio, que o Fla vem escalando um negócio atrás do outro.



Foram acordos com Mercado Livre (costas da camisa), Havan (manga), Moss (meia) e ABC (calção) que começaram a fazer o Flamengo reduzir a distância que tinha para o Palmeiras, com o seu acordo de exclusividade para a dupla Crefisa e FAM ao valor de R$ 81 milhões ao ano.

Os negócios, aliás, mostram como o mercado brasileiro ainda dá à exposição uma enorme importância para fechar um acordo de patrocínio. Hoje, oito empresas diferentes estão no uniforme do Flamengo. No Palmeiras, apesar de serem só dois patrocinadores, Crefisa e FAM espalham suas logomarcas pelo uniforme alviverde, numa desnecessária superexposição e sobreposição de marcas.



Isso gera retorno? A gente lembra, de cabeça, quem são os patrocinadores do Flamengo?

Infelizmente, a exposição de marca ainda é a principal “moeda” que o mercado usa para medir o retorno de um investimento em patrocínio. No mundo ideal, o Flamengo teria um uniforme que valeria R$ 100 milhões em patrocínios, mas com, no máximo, duas marcas expostas na camisa. E o Palmeiras teria os mesmos R$ 81 milhões de Crefisa e FAM, porém com uma marca em cada espaço disponível.



Foi assim que o mercado europeu conseguiu melhorar o valor pago ao patrocínio da camisa e fez crescer o número de parceiros que se associam tendo outras propriedades para dialogar com o torcedor.

Exposição é fundamental. E o Flamengo mostrou isso ao conquistar, ainda em 2021, o melhor valor somado de patrocínio de uniforme do futebol brasileiro. 


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário