terça-feira, 9 de novembro de 2021

Rubro-negro manda recado inusitado à escola do filho e viraliza na web




Coluna do Fla: A final da Copa Libertadores será disputada apenas em 27 de novembro, mas os nervos de torcedores de Flamengo e Palmeiras já estão à flor da pele. Ainda faltam 18 dias para a decisão, mas as torcidas já estão planejando as agendas e, justamente por este motivo, um rubro-negro viralizou na web. Anderson Martins enviou uma carta aberta à escola do filho e definiu como ‘disparate’ a marcação da formatura das crianças no mesmo dia da partida.



Através de seu Twitter, Anderson divulgou a carta enviada ao Colégio Liceu, de Brasília. No texto, o pai, inconformado, expõe diversos argumentos que sustentam sua reclamação acerca da decisão da Libertadores e afirma: “fazer com que a família tenha que escolher entre uma final épica do futebol internacional ou a primeira formatura escolar do seu filho é de uma covardia e constrangimento sem precedente!”.

Veja a carta na íntegra:

“Fui surpreendido com a informação que a solenidade de formatura do Colégio Liceu foi marcada para o dia 27/11/2021. Quase que, instantaneamente, meus neurônios lançaram a expressão: “disparate total dessa escola!”, e até agora não encontrei outro termo para descrever tamanha desatenção.



Há mais de três meses, todo ser humano no planeta sabe – ou deveria saber – que no dia 27/11/2021, acontecerá a partida da final da Taça Libertadores da América. A competição de futebol mais importante do continente sul-americano! Com um quesito especial a mais: a disputa se dará entre dois clubes brasileiros. Os dois clubes mais ricos de todo o continente e que representam apenas a primeira e quarta posição no ranking de maiores torcidas do Brasil, respectivamente Flamengo e Palmeiras.

Essa não é daquelas partidas assistidas apenas pelos torcedores do clube que estão em disputa. É de grande interesse internacional, e não só nos países do continente, mas no mundo todo, menos no planeta Liceu.



São 5 bilhões (bilhões) de pessoas acompanhando o jogo, mais de 100 mil se deslocando para o local da partida – entre torcedores, trabalhadores, colaboradores, dirigentes e autoridades, que acontecerá em Montevidéu, no Uruguai.

A grandiosidade deste evento/jogo é tão imensurável, que a audiência medida é maior que a da transmissão das 4 últimas finais de Copa do Mundo de futebol, aquelas realizadas a cada 4 anos, quando joga a Seleção Brasileira e até suspendem as aulas e trabalhos para assistir. Daí o Colégio Liceu resolveu concorrer com isso!



O futebol para o Brasil e para o brasileiro não é apenas um subterfúgio de emoções e paixões. É fundamentalmente “educação”, seja pela educação física, ou pela cultura em diversos aspectos e, até mesmo, como fator de inclusão social e econômico. Por isso, o escritor Nelson Rodrigues nos definiu como “a Pátria em chuteiras” e, não à toa, o futebol é patrimônio cultural imaterial brasileiro. Falham as instituições de ensino e educadores não tratarem o futebol como se deve: como bem cultural.

Fazer com que a família tenha que escolher entre a final épica do futebol internacional ou a primeira formatura escolar do seu filho, é uma covardia e um constrangimento sem precedente! É tão indignante que cabe parafrasear o iluminado Dorival Caymmi: “Quem não gosta de futebol bom sujeito não é. É ruim da cabeça ou doente do pé”.



Aliás, tem sido um hábito rotineiro dessa escola definir as coisas que envolvem nossos filhos sem a participação dos pais ultimamente, mas isso é assunto para outra discussão.”

Até o momento da publicação, Anderson não havia informado aos seguidores se obteve alguma resposta do Colégio Liceu em relação à data da formatura que, por hora, será realizada no dia 27 de novembro de 2021, quando Flamengo e Palmeiras decidem o título da Copa Libertadores.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário