domingo, 14 de novembro de 2021

Contra o São Paulo, Flamengo terá dois reencontros e a missão de findar longo jejum




Lance!: Embora o sonho do inédito tricampeonato brasileiro esteja cada vez mais distante, o Flamengo, matematicamente, ainda tem chances mínimas de conquistar a competição. Nesse sentido, o Rubro-Negro precisa da vitória contra o São Paulo neste domingo, às 16h, no Morumbi, pela 32ª rodada, em jogo que será marcado por dois reencontros e pela necessidade de quebrar um jejum que já dura uma década.



A partida desta tarde será a primeira de Rogério Ceni contra o Flamengo desde que ele foi demitido do clube. À frente do time carioca, o ex-goleiro conquistou o Campeonato Brasileiro de 2020 e a Supercopa do Brasil.

No entanto, apesar dos títulos, os maus resultados no Brasileirão 2021 somado ao desgaste com a diretoria culminaram na demissão do então técnico na madrugada do dia 10 de julho (um sábado).



À época, ainda houve o episódio de um áudio vazado de Roberto Drummond, analista do departamento de scout do clube, que continha duras críticas ao ex-goleiro. O funcionário em questão classificou Ceni como "uma pessoa ruim".

Além disso, o Flamengo retornará ao Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi, onde levantou a taça de octampeão brasileiro, no dia 25 de fevereiro deste ano.



Dentro de campo, o Fla foi derrotado pelo São Paulo por 2 a 1. Entretanto, como o Internacional, segundo colocado, não conseguiu vencer o Corinthians na última rodada, o time carioca levantou mais um treféu. Dessa forma, praticamente nove meses depois, o Rubro-Negro Carioca retorna a um dos locais onde foi mais feliz em 2021.

JEJUM

Apesar da última memória ser de alegria, o recorte dos últimos dez anos não traz boas lembranças ao torcedor do Flamengo. Isso acontece porque o time não sabe o que é vencer do São Paulo fora de casa há uma década. 



A última vez que o Fla triunfou sobre o rival no Morumbi aconteceu no dia 2 de outubro de 2011, em partida válida pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com gols de Renato Abreu e Thiago Neves, o Rubro-Negro derrotou o Tricolor Paulista por 2 a 1 e, de quebra, estragou a festa de Luis Fabiano, que fazia a reestreia pelo São Paulo. 


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Alexandre Vidal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário