sábado, 20 de novembro de 2021

Cobranças entre departamentos e treinos específicos: como o Flamengo renovou o fôlego para Libertadores




Cahê Mota | GE: A decisão de priorizar a Libertadores nas últimas rodadas do Brasileirão deu certo.



O Flamengo vem de três vitórias consecutivas, duas delas com o time praticamente reserva, e Renato Gaúcho faz questão de repetir em coletiva que trata-se de uma estratégia definida em comum acordo. Consenso respaldado por números que comprovam argumentos levantados pelo treinador em reuniões em tom de cobrança no Ninho do Urubu.

A tão criticada experiência em anos de Grêmio deu embasamento para que Renato apontasse caminhos no sentido de o time chegar mais inteiro a cada rodada do Brasileirão e, consequentemente, diante do Palmeiras, dia 27, em Montevidéu. Os dados coletados após a vitória por 1 a 0 sobre o Corinthians, quarta-feira, no Maracanã, chamaram a atenção internamente e respaldaram a estratégia do treinador.



Na partida, pela primeira vez em 2021, quatro jogadores ultrapassaram a marca dos 11km percorridos: João Gomes, Matheuzinho, Thiago Maia e Diego Ribas. Além disso, Kenedy chamou a atenção por atingir a velocidade de 36km/h, algo que apenas Matheuzinho e Bruno Henrique costumam alcançar.

Semanas atrás, Renato convocou uma reunião com o Departamento de Saúde e Alto Rendimento (Desar) para destacar valências que precisavam ser aprimoradas e que tinha o aval de superiores para poupar com esse objetivo. Avaliações foram realizadas nas áreas de fisiologia, nutrição e fisioterapia para determinar trabalhos individualizados com os atletas.



Desde então, o controle de carga passou a ser trabalhado de acordo com o limite de cada um e dados indicam que os níveis de força cresceram em pelo menos 30% nos exercícios de academia. Com o procedimento, evita-se que os jogadores desempenhem em processo de fadiga e avaliações apontam ganhos de força e potência dentro da “faixa ótimo” de velocidade de execução para ocorrer uma melhor transferência dos exercícios para as ações de potência e velocidade no campo.

Com três vitórias consecutivas e duas delas praticamente apenas com reservas, o Flamengo não somou apenas nove pontos na tabela, mas também ganhou fôlego visando o dia 27. Neste sábado, a equipe volta a campo para encarar o Inter, às 21h30 (de Brasília), no Beira-Rio, pela 34ª rodada do Brasileirão.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário