segunda-feira, 1 de novembro de 2021

CBF favorece o Atlético/MG em calendário, dirigente do Flamengo reclama e pede mudança




Coluna do Fla: No último sábado (30), o Flamengo venceu o Atlético-MG por 1 a 0 e deu esperança à Nação por um título brasileiro. Com a vitória, o Rubro-Negro cortou a distância para o líder e, caso vença os compromissos atrasados, entra de vez na briga pelo caneco. No entanto, o calendário do Mengão será bastante enxuto nesta reta final de temporada. Sobre as datas, o vice-presidente do Mais Querido, Luiz Eduardo Baptista, detonou a CBF e sugeriu favorecimento ao rival mineiro.



No Twitter, o dirigente não hesitou ao comentar o quanto o Rubro-Negro será prejudicado nesta reta final de temporada. Após citar as datas e o número de jogos, BAP, como é conhecido no Ninho do Urubu, não poupou críticas à CBF: “Flamengo ainda tem que jogar 13 partidas o Atlético MG 12. Temos insistido com a CBF para mudarem o final do Brasileiro para o dia 15/12, pois teríamos 14 datas.Acabando dia 9,favorece ao Atlético MG, porque o Flamengo terá feito 13 jogos em 39 dias e o Atlético 12 em 45 dias.”

CONFIRA A PUBLICAÇÃO:




A reclamação do dirigente do Flamengo é, como mencionado, por conta da grande sequência do Rubro-Negro na temporada. Só nestes últimos 39 dias, o Mais Querido fará 13 jogos, ou seja, entrará em campo uma vez a cada três dias. Já o Atlético-MG, que também está em uma final de competição mata-mata, atuará 12 vezes num espaço de 45 dias. Dessa forma, o Mengo se sentiu prejudicado, visto que terá um compromisso a mais, mesmo com seis dias a menos.

Mesmo com a reclamação dos dirigentes rubro-negros, tudo indica que o calendário não sofrerá mais alterações até o fim da temporada. A ideia do Flamengo era de estender a jornada até o dia 15 de dezembro, mas o sindicato dos atletas deu um ultimato à CBF, a fim de garantir férias completas aos jogadores. Dessa forma, o Mais Querido está ‘de mãos atadas’ e terá de passar pela maratona.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário