domingo, 12 de setembro de 2021

Após vitória sobre o Palmeiras, Renato Gaúcho fala sobre chegada de David Luiz, fase de Michel e lesões




GE: Os muitos desfalques não impediram o Flamengo de vencer e convencer nesse domingo, nos 3 a 1 em cima do Palmeiras, fora de casa. Após o jogo, o técnico Renato Gaúcho comemorou a boa resposta do elenco rubro-negro, que passou por cima das baixas para bater um adversário direto.



- Parabéns para o grupo. Tivemos alguns dias sem jogos, mas, em compensação, muitos jogadores na Seleção, outros ao departamento médico. Isso dificultou muito o trabalho. Sempre falo para o grupo treinar e treinar forte, porque temos três competições e tem espaço para todo mundo. O grupo deu a resposta hoje contra um grande adversário - disse.

- Conseguimos uma virada muito boa. Agora, a gente segue fazendo o nosso trabalho. Estamos na cola dos que estão na nossa frente, porque o nosso objetivo também é brigar pelo título brasileiro - completou.



A vitória fez o Flamengo somar 34 pontos, subir na tabela e encostar no próprio Palmeiras, que tem apenas um a mais e é o vice-líder. O líder Atlético-MG tem 42, mas tanto mineiros quanto paulistas já disputaram duas rodadas a mais comparados ao rubro-negro.

Depois do resultado, o grande assunto não poderia ser outro: David Luiz. Renato estendeu o tapete para a chegada do reforço "nível seleção brasileira". Mas, também fez uma observação: na opinião dele, o clube está bem servido com zagueiros que subiram de nível nas últimas rodadas.



- Acho todo grande jogador time espaço no nosso grupo, quanto mais forte, mais possibilidade vai ter de conquistar. Lógico que ele é importante, um jogador internacional, nível seleção brasileira. Não preciso jogar confete, é acima da média. Gostaria de destacar nossos zagueiros estão jogando muito bem, subiram muito de produção. Não adianta ter um time, tem que te rum grupo. Com a chegada do David Luiz, é mais um pra se juntar, nosso grupo é forte - analisou.

Com os três pontos na bagagem, a delegação rubro-negra retorna ao Rio de Janeiro ainda na noite deste domingo. Na segunda-feira, o elenco se reapresenta no Ninho do Urubu. O próximo compromisso é na quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), contra o Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil. O jogo será no Maracanã.



Outras respostas de Renato

Boa fase de Michael

Acho que, além do trabalho na parte tática, que eu gosto muito de conversar com os jogadores, procuro lapidá-los, corrigi-los, procuro dar moral para o que eles fazem de certo. Procuro conversar, levo eles para a sala de vídeo, mostro o que está certo, o que está errado. Fico contente, é um jogador pelo qual eu torço bastante, já tinha pedido ele lá no Grêmio e agora o encontrei aqui no Flamengo. Ele tem nos ajudado bastante, tem feito gols. Nós temos o Gabriel, que é o "chatão", e ele é o nosso "chatinho". E é o "chatinho" que tem ajudado bastante.

Ele está jogando muito bem. Procuro conversar bastante com ele para que ele se coloque de uma maneira que, toda vez que recebe as bolas, possa fazer as jogadas dele. Passo muita tranquilidade para ele, principalmente dentro e próximo à área. Nesse quesito ele evoluiu bastante, tanto é que tem feito gols. Tem tido aquela tranquilidade que eu peço, eu falo para eles que o desespero é sempre do adversário. Ele tem feito gols porque está tendo tranquilidade para fazer a melhor jogada.



Lesões

Todo jogador é bem-vindo. Eu tenho um grupo. Quanto mais chegarem para fortalecer, ótimo. Mas o grupo do Flamengo é muito bom. Maior prova é nos últimos jogos. Com muitos desfalques, pessoal tem dado conta do recado. É assim que eu gosto.

Nós temos três competições, tem espaço para todo mundo. O importante é quando o jogador é chamado, entra e dá conta do recado. Isso tem acontecido, eu cobro deles diariamente para treinarem forte e, quando entrarem, jogarem forte. O grupo tem dado conta do recado.



Defesa em alta

No pouco tempo que a gente tem, procuro me dedicar principalmente a ajeitar uns detalhes. A gente tem dois tipos de marcação, e eles entenderam muito bem nosso trabalho, têm feito muito bem. Esse trabalho tem dado resultados positivos. Eles estão muito bem, entenderam o trabalho, agora é aproveitar ao máximo. Procuro dar uma atenção especial na defesa, que subiu muito de produção no campeonato.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Marcelo Cortes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário