quinta-feira, 26 de agosto de 2021

Renato Gaúcho revela conversa no vestiário para mudança de atitude do Fla no segundo tempo, mas faz mistério




Coluna do Fla: O Flamengo goleou o Grêmio, por 4 a 0, fora de casa, na última quarta-feira (25), pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O Rubro-Negro garantiu o resultado com um a menos, e os gols foram marcados por: Bruno Viana, Michael, Rodinei e Vitinho, todos no segundo tempo. Apesar do placar, a atuação do Fla foi questionada por muitos na etapa inicial.



O primeiro tempo do Rubro-Negro foi considerado abaixo do normal e foi marcado pela expulsão de Isla aos 45 minutos. O Rubro-Negro foi para o intervalo ainda com 0 a 0 no placar e retornou para o segundo tempo com uma postura diferente. Para Renato Gaúcho, a conversa com os jogadores no vestiário foi a chave para a mudança de atitude, no entanto, manteve o diálogo em sigilo.

– Nós conseguimos, eu concordo que no primeiro tempo não esteve tão bem, até porque o Grêmio iniciou a partida muito bem. Nós tínhamos dois jogadores com cartão amarelo e depois perdemos o Isla, e tava um jogo muito perigoso para a gente. O que foi falado no vestiário, o que foi corrigido, são coisas minhas e do grupo. Não vou ficar aqui falando e outros treinadores vão ouvir, os adversários vão escutar. Então é aquilo que eu falei, eu acho que o mais importante de tudo foi a conversa que eu tive com meu grupo, mas isso fica entre a gente, dentro de quatro paredes, no vestiário.



O segundo e decisivo duelo entre as equipes está marcado para 15 de setembro, às 21h30 (horário de Brasília), no Maracanã. O Flamengo entra em campo com a vantagem de quatro gols e, com isso, tem a classificação encaminhada para a semifinal da Copa do Brasil. Antes disso, o Fla encara o Santos, no sábado (28), às 19h (de Brasília), pelo Brasileirão.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário