quinta-feira, 12 de agosto de 2021

Gabriel Batista relata ofensas racistas contra ele e desabafa nas redes sociais




Gazeta Esportiva: O Flamengo goleou o Olimpia por 4 a 1, no Paraguai, pelo jogo de ida das quartas de final da Libertadores. Porém, o pós-jogo do rubro-negro não foi só de celebração. Gabriel Batista, goleiro reserva da equipe, relatou ofensas racistas dos paraguaios direcionados aos cariocas em uma publicação nas redes sociais.



“Infelizmente alguns ignorantes da torcida adversária foram racistas comigo e com meus colegas. Pleno 2021 e ainda somos obrigados a passar por isso. É inacreditável e lamentável que ainda exista esse tipo de postura e pessoas ruins e fracas de espírito. Não há mais espaço para isso e não nos calarão”, escreveu o jogador.

 
Em entrevista coletiva após a partida, o técnico Renato Gaúcho também destacou as injúrias raciais e cobrou providências.



“Infelizmente, tem acontecido isso. Uma injúria racial. Cobrei muito do delegado e do árbitro. Passamos para a diretoria, que vai tomar as devidas providências. Muito triste, isso choca, acontece no Brasil e no mundo todo. Nós, que temos possibilidade, temos que falar para que as autoridades façam o necessário”, afirmou o treinador.

O jogo de volta entre Flamengo e Olímpia será na próxima quarta-feira, às 19h15 (de Brasília). Antes, no domingo, o time rubro-negro enfrenta o Sport, pelo Campeonato Brasileiro, às 16h (de Brasília).


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Marcelo Cortes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário