sexta-feira, 9 de julho de 2021

Bastidores esquentam no Flamengo e dirigente admite demitir Rogério Ceni: “Já deu”




A crise interna no Flamengo segue ganhando novos capítulos. Nesta sexta, a direção do clube se reuniu para discutir a situação do treinador no comando da equipe, que não anda nada bem.



Pedidos de demissão vêm de todas as partes, e o técnico está fritando no cargo. Segundo Venê Casagrande, colunista do jornal “O Dia”, o presidente do clube, Rodolfo Landim, o vice-presidente de futebol, Marcos Braz, e o diretor executivo, Bruno Spindel, conversaram sobre o futuro do técnico na reunião. O treinador não esteve presente no encontro.

“A situação de Rogério Ceni está cada vez mais insustentável. A relação do treinador com os jogadores não é mais a mesma. Os treinos costumavam variar e foram elogiados pelos jogadores na chegada dele ao Flamengo. Atualmente, porém, alguns dizem que o comandante não consegue ser tão claro nas orientações durante as atividades, com direito a respostas debochadas do comandante durante alguns questionamentos nas atividades”, diz a publicação.



O jornalista ainda destaca a frase dita por um dirigente, que não teve o nome revelado, admitindo que está na hora de Rogério Ceni ser demitido. “Já deu. Chegou a hora de demitir”, teria falado o dirigente.

A situação do técnico no clube piorou nos últimos dias após a derrota para o Atlético-MG na rodada passada do Campeonato Brasileiro. Enquanto isso, o nome de outros treinadores estão sendo especulados como possíveis substitutos, sendo Renato Gaúcho um dos mais citados.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Fonte: https://www.torcedores.com/noticias/2021/07/crise-no-flamengo-esquenta-e-dirigente-admite-demitir-rogerio-ceni-ja-deu
Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário