quinta-feira, 20 de maio de 2021

Imprensa equatoriana detona técnico da LDU por eliminação do time diante do Flamengo




Na noite da última quarta-feira (19), o Flamengo recebeu a LDU, no Maracanã, em partida válida pela quinta e penúltima rodada da fase de grupos da Libertadores da América. Valendo a classificação antecipada para o Fla e considerado ‘tudo ou nada’ para o time equatoriano, o duelo foi suado e em clima de decisão.



As equipes acabaram empatando em 2 a 2 e, com o resultado, o Mais Querido se classificou para as oitavas de final da competição continental, enquanto a LDU deu adeus ao torneio. Em meio a isso, a imprensa equatoriana lamentou a eliminação do time local, classificando-a como “golpe duro” e culpando o técnico.

O portal El Futebolero, ressaltou que os erros do técnico uruguaio Pablo Repetto foram preponderantes para que a LDU não conseguisse segurar o 2 a 1 diante do Flamengo para voltar ao Equador vivo na briga por uma vaga na próxima fase. “A Liga de Quito perdeu a oportunidade de lutar pela próxima fase da Copa Libertadores nos últimos minutos, mas os erros de Pablo Repetto e dos jogadores custaram caro”, dizia um trecho da publicação.



Em outra parte da matéria, o veículo destacou: “Pablo Repetto foi muito criticado pelas decisões que tomou quando a Liga de Quito precisava de velocidade no jogo, além disso, as mudanças chegaram muito tarde e os jogadores se desgastaram a ponto de serem violados e acabaram empatando o partida”.

Com o resultado, portanto, o Flamengo avança para as oitavas de final da Libertadores e a LDU se despede do torneio. Virando a chave, o Mais Querido se prepara para mais uma decisão na temporada 2021: a decisão do Campeonato Carioca. No sábado (22), o Rubro-Negro encara o Fluminense, a partir das 21h05 (horário de Brasília), no Maracanã, pelo segundo jogo da final do Estadual.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Fonte: https://colunadofla.com/2021/05/imprensa-equatoriana-lamenta-eliminacao-da-ldu-para-o-flamengo-golpe-duro/
Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário