quinta-feira, 20 de maio de 2021

Colômbia pede adiamento da Copa América e quer realizar torneio apenas no final de 2021




O Governo da Colômbia solicitou nesta quinta-feira à Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) que adie a disputa da Copa América.



O torneio está marcado para aconter a partir de 13 de junho, com jogos tanto em território colombiano quando na Argentina, o outro país-sede.

A Colômbia, no entanto, quer realizar a competição apenas no final do ano.

O anúncio foi feito por Ernesto Lucena, ministro do Esporte do país, em coletiva nesta quinta, em Bogotá, que também contou com o presidente Iván Duque.



Segundo Lucena, porém, o pedido não tem relação com a situação política delicada da nação, que vem enfrentando protestos diários da população após a aprovação de uma polêmica reforma tributária.

O ministro salientou que o adiamento fará com que a presença de público nos estádios possa ser maior, já que a vacinação contra COVID-19 estará mais consolidada até novembro ou dezembro.



"Esta Copa América será sui generis. Estamos considerando prioritariamente os temas de saúde", afirmou Lucena, que prevê pelo menos 50% de público nas arenas se o adiamento foi confirmado.

Lucena ainda contou que ainda não falou com o Governo da Argentina sobre o tema para saber se o outro país sede também quer pedir o adiamento.

Nesta quinta, inclusive, o presidente argentino, Alberto Fernández, anunciou novas medidas restritivas de circulação para tentar conter o número de casos de COVID-19 no país.



Vale lembrar que a competição já deveria ter acontecido em 2020, mas foi adiada para 2021 por causa da pandemia mundial do coronavírus.

A mesma situação aconteceu com a Eurocopa, que foi adiada em um ano, mas agora deve acontecer normalmente, apesar da troca de algumas cidades-sede no "Velho Continente.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Fonte: https://www.espn.com.br/futebol/artigo/_/id/8671234/colombia-pede-adiamento-da-copa-america-e-quer-realizar-torneio-apenas-no-final-de-2021
Imagem: Getty Images

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário