quarta-feira, 2 de setembro de 2020

Jornalista vê assédio a jogadores do Flamengo como natural: “O time ganhou cinco títulos”



O Flamengo conquistou seis dos últimos oito títulos disputados. Com o futebol apresentado em 2019, o Rubro-Negro encantou os amantes do esportes e enfileirou conquistas: Campeonato Carioca (2019 e 2020), Campeonato Brasileiro (2019), Libertadores (2019), Recopa Sul-Americana (2020) e Supercopa do Brasil (2020). Vale destacar que o Estadual do ano passado foi conquistado por Abel Braga, porém, todos os outros cinco títulos foram com Jorge Jesus no comando do Mais Querido. Com o técnico português, o Fla apenas não conquistou a Copa do Brasil e o Mundial de Clubes.


Com os títulos conquistados, o Flamengo ganhou cada vez mais destaque no mercado da bola, inclusive, espaço no futebol do exterior. Após a brilhante campanha de 2019, inúmeros jogadores do clube carioca foram especulados no futebol europeu. Diante disso, durante o programa Fox Sports Rádio, nesta quarta (02), Benjamin Back ressaltou que o assédio com os jogadores do Rubro-Negro deve ser visto como algo normal por conta das inúmeras conquistas recentes.


– Um time que ganhou cinco títulos, que empolgou… é óbvio que chama atenção de outros mercados. Se a gente está no mercado normal, com tudo funcionando normal, talvez o assédio fosse bem maior.

Com a saída de Jorge Jesus, um dos principais clubes que tentam fazer a contratação de jogadores do Flamengo é o Benfica. O clube português já manifestou diversas vezes o interessem em contratar nomes como: Bruno Henrique e Gerson. Além deles, outros atletas já foram cotados, entre eles: Willian Arão, Léo Pereira e até Everton Ribeiro. Vale destacar que com o destaque do Fla, o clube perdeu dois atletas multicampeões com Manto Sagrado: Pablo Marí, para o Arsenal e, mais recente, o Rafinha, para o Olympiacos.


Fonte: https://colunadofla.com/2020/09/jornalista-ve-assedio-a-jogadores-do-flamengo-como-natural-o-time-ganhou-cinco-titulos/

CURTA NOSSA PÁGINA




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário