segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Duelo com Boavista pode dar indícios de Flamengo versão 2019



O jogo contra o Boavista, nesta terça-feira, pode começar a dar ao torcedor do Flamengo um esboço do time versão 2019. O técnico Abel Braga deixou aberta a possibilidade de misturar os dois times que desenhou neste início de temporada e os rubro-negros podem ver uma equipe titular com a presença de mais reforços juntos.



Até o momento, Abel vinha usando dois times. A equipe que manteve a base da última temporada - que começou o duelo com o Bangu, na estreia no Carioca, e o clássico com o Botafogo - tinha apenas o zagueiro Rodrigo Caio de cara nova. O outro time, com 11 jogadores diferentes, enfrentou o Resende e contava com Arrascaeta e Gabigol. Bruno Henrique, quarto reforço anunciado, chegou ao Rubro-Negro apenas depois do segundo duelo e estreou contra o Alvinegro.

Por pouco, não se pôde ver todos os reforços em campo juntos. No clássico, Rodrigo Caio foi titular e Gabigol e Bruno Henrique entraram no segundo tempo. Abel admitiu que ia colocar Arrascaeta na vaga de Diego, mas, ao ver que Zé Ricardo colocou Pimpão em campo, optou pelo volante Piris no lugar do camisa 10.



- Eu ainda não pensei. Amanhã (domingo) de manhã, eu vou treinar. Ainda não tive folga. Se eu não tiver um tempinho para pensar, aí mata papai (risos). Estou começando a pensar em misturar um pouco (os times). Isso, estou pensando. Não estou afirmando que farei, mas estou pensando.

O jogo diante do Boavista, caso aconteça a mistura entre os times, pode mostrar também como Abel pretende montar o 4-3-3 que pretende utilizar este ano. Se persistir com Cuéllar e Arão, pode ser que Diego e Arrascaeta briguem por uma vaga. Caso veja que Diego pode ocupar uma função mais recuada, como Paquetá em 2018, se pode ter um meio formado por Cuéllar, Diego e Arrascaeta.

No ataque, pode-se ter Vitinho, Everton Ribeiro e Bruno Henrique na luta para ocupar duas lacunas - isso considerando que o treinador não enxergue mudanças em relação à posição de Ribeiro. Como centroavante, a tendência é que Gabigol seja o dono da posição.



Fonte: https://www.lance.com.br/flamengo/duelo-com-boavista-pode-dar-indicio-versao-2019.html

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário