Dirigente do Zenit abre o jogo sobre Claudinho, diz que não existe proposta do Napoli por Wendel e fala do futuro do jogador


O Flamengo passou quase todo o mês de julho tentando a contratação de Claudinho ou Wendel, o clube desistiu de contratar o primeiro e ainda busca a contratação do segundo, mas vê o negócio com muitas chances de não ser concretizado, principalmente devido a pedida alta que os russos querem pelo jogador.


Nesta terça, segundo o jornalista brasileiro Fábio Aleixo, que mora na Rússia e acompanha o futebol do país, o diretor do clube russo, Alexander Medvedev, abriu o jogo sobre Claudinho, afirmando que nunca houve uma proposta do Flamengo pelo jogador: "Era tudo especulação" - disse o diretor.

O diretor ainda falou sobre a situação de Wendel, outro jogador que é desejado pelo Flamengo. 

Segundo Alexander, o clube não descarta uma venda do jogador, mas só vende se chegar uma proposta adequada.

"Wendel está treinando. Queremos vendê-lo? Nós temos um produto e existe um comprador. Se houver uma oferta adequada, podemos enviá-lo"

Segundo a jornalista Raisa Simplício, a proposta adequada que fala o diretor, seria o valor de 18 milhões de euros, com 50% do valor pagos à vista e mais o mecanismo de solidariedade. A última oferta do Flamengo chegou a 15 milhões pelo jogador, para pagar de forma parcelada.


O diretor ainda negou qualquer proposta do Napoli e deixou para o treinador a responsabilidade de saber se conta ou não com o jogador para a sequência da temporada, caso não ocorra a negociação.

"Ele teve circunstâncias pessoais relacionadas à morte de duas pessoas próximas. Ele foi punido por estar ausente por um longo tempo. Ele treina com o time principal, mas o técnico vai decidir se ele é necessário ou não"

Com isso, mesmo com o desejo do jogador em voltar ao Brasil e jogar no Flamengo, os valores pedidos são muito discrepantes e dificilmente o Flamengo pagará esse valor que os russos achem adequado.

Imagem: Divulgação

- // -

Clique aqui para ver mais notícias do Fla

Postar um comentário

0 Comentários