Xodó de Jorge Jesus, recusou times da Europa para retornar ao Flamengo de Vítor Pereira



Os jogadores do Flamenco retornaram das férias na última segunda-feira (26). Ainda sem Vitor Pereira, que tem contrato com o Corinthians e só chega no dia 2 de janeiro, o Rubro-Negro tem a volta de um velho conhecido, que estará a frente das ações enquanto o treinador não chega. 

Se trata do preparador físico, Mário Monteiro, que esteve no clube em 2019 vindo na comissão técnica de Jorge Jesus. Que segundo site Uol, estava emocionado com o retorno ao Flamengo, e seu retorno foi comemorado internamente graças em grande parte ao trabalho realizado durante a passagem do Mister.

Por onde Jorge Jesus passava, contava com Mário Monteiro como seu braço direito. Considerado o mais popular entre os portugueses, rapidamente ganhou os jogadores do elenco em 2019. Não há no CT quem não goste da alegria e do profissionalismo de Mário, considerado de longe o mais brasileiro do time.

No último dia 14, Mário Monteiro escreveu uma longa homenagem a Jorge Jesus. Contando sobre toda sua parceria de vários anos, destacou suas dificuldades e soltou uma frase que ressoa na era pós Mister: ''Já estávamos mal habituados com tantas glórias". Os torcedores acostumados a vencer querem que todos os treinadores se pareçam com JJ. Nessa, Dome, Rogério Ceni, Renato Gaúcho e Paulo Sousa sofreram. 

O profissional deixou claro em entrevista ao GE, que deixar o Flamengo em julho de 2020 foi um erro. Mesmo uma oferta de qualquer clube da Europa não o faria voltar ao velho continente, disse ele. É outra história se for um convite do Rubro-Negro, Mário disse que rejeitou a oferta de Jorge Jesus para ir à Turquia.

"Apenas duas situações me fariam voltar a trabalhar: retornar ao Flamengo, clube de onde nunca devia ter saído, ou uma seleção de Portugal ou do Brasil", disse Mário ao revelar que recusou convite de Jorge Jesus para trabalhar em time turco.

"A expectativa é muito grande. Já tinha dito ao Jorge Jesus que na Europa eu não trabalharia mais, já tinha dado por encerrada minha carreira. Gostaria de ter terminado no Benfica de uma maneira melhor e optei por ficar um ano sem trabalhar. Em clubes, só o Flamengo, que tinha me oferecido a permanência em 2020, mas fui leal ao meu treinador. Estou muito feliz! Volto para uma casa que gosto muito e sempre fui muito bem tratado. Tenho um carinho especial. As expectativas são elevadas", finalizou.

Agora com Vítor Pereira, Mário Monteiro tem a expectativa dos torcedores de repetir o que conquistou com Jorge Jesus, quando faturou, Carioca, Brasileirão, Recopa, Supercopa do Brasil e Libertadores.

Imagem: Divulgação

- // -

Clique aqui para ver mais notícias do Fla

Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.