O que diz a súmula do clássico sobre a comemoração de Gabi em gol do Flamengo




Lance!: No último domingo, Gabriel Barbosa marcou o gol da vitória do Flamengo sobre o Vasco, na semifinal do Campeonato Carioca, e comemorou com o tradicional gesto, erguendo os braços e balançando a cabeça. A celebração, contudo, resultou em denúncia do TJD/RJ , que julgará Gabigol por "conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva". Na súmula da partida, o árbitro Felipe da Silva Gonçalves Paulo fez considerações sobre o momento citado.



O juiz relatou que objetos foram atirados no gramado durante a comemoração de Gabigol, como um par de tênis e garrafa de água. Na súmula - que é levada em consideração pelo procurador do Tribunal de Justiça Desporitva -, o árbitro não fala em provocação de Gabigol. 

- Informo que, aos 41 minutos, durante a comemoração do gol da equipe do Flamengo, foram arremessados um par de tênis e uma garrafa de água para dentro do gramado de jogo. Os objetos vieram da arquibancada onde se encontrava a torcida do Vasco da Gama no Setor Sul, caindo próximo a bandeira de córner, não sendo possível identificar quem arremessou os objetos - relatou o árbitro Felipe da Silva Gonçalves Paulo na súmula do clássico.



O artigo 258-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva fala em "provocar o público durante partida, prova ou equivalente', e prevê como pena suspensão de duas a seis partidas. O caso será julgado na segunda-feira, dia 21, portanto Gabigol está à disposição de Paulo Sousa para o clássico de domingo, às 16h.

Nas redes sociais, o atacante do Flamengo ironizou a denúncia. 

Com a vitória por 1 a 0 no jogo de ida, o Flamengo enfrenta o Vasco podendo perder até por um gol de diferença para avançar à decisão do Carioca. Já na outra semifinal, Fluminense e Botafogo se enfrentam a partir de segunda-feira.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Marcelo Cortes
Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.