quinta-feira, 18 de novembro de 2021

Renato comenta situação de BH, elogia comportamento do Flamengo e da torcida: "Deu show"




GE: Com gol de Bruno Henrique nos acréscimos, o Flamengo venceu o Corinthians por 1 a 0, nesta quarta-feira, no Maracanã, e manteve a distância de oito pontos em relação ao líder Atlético-MG. Após a partida, o técnico Renato Gaúcho fez elogios ao time e destacou a importância da torcida, que foi em grande número ao estádio e deu apoio.



- Essa energia da torcida hoje foi fundamental, então a vitória é dela. A torcida deu o exemplo, deu show no Maracanã, a gente precisava dessa energia. A equipe se comportou muito bem os 90 minutos e o torcedor esteve com a equipe os 90 minutos e fomos premiados. Uma belíssima jogada do Rodinei e gol do Bruno Henrique.

Renato comentou sobre a preocupação com Bruno Henrique, que acusou dores no joelho esquerdo durante a partida.



- Bruno Henrique temos que esperar 24h. Mas eu conversei com ele, e eu falei que ia tirá-lo e terminar o jogo com 10. Mas ele disse para deixá-lo e isso me deixou mais tranquilo. Vamos aguardar 24h e o Departamento Médico vai avaliar - disse o técnico.

Com a vitória, o Flamengo chega a 63 pontos, permanece na segunda posição e fica a oito pontos do líder Atlético-MG. O clube volta a campo no sábado, para enfrentar o Internacional, em Porto Alegre, pelo Campeonato Brasileiro.



Outras respostas de Renato:

Planejamento físico para a final da Libertadores

- É um pouco cedo ainda para falar quem vai para o jogo, quem estará à disposição. Estamos fazendo de tudo para recuperar, dar ritmo de jogo para todos, estar com o maior número de jogadores à disposição para o dia 27 sem esquecer do Campeonato Brasileiro. Alguns jogadores estão saindo do departamento médico. O Filipe foi uma prova hoje. Ainda faltam o Arrascaeta, o Pedro e o Rodrigo Caio, ainda acredito que vamos avaliar, conversar, e ver o dia a dia. A resposta que vai dar é o próprio jogador. A parte médica toda, todo mundo está tendo a maior preocupação em cuidar de todos, olhar jogo a jogo. A partir de amanhã começo a conversar com os outros.

Temos pessoas inteligentes aqui. Estamos vendo jogo a jogo. Tem dado certo isso. Estamos seguindo nossa programação. Para os dois próximos jogos vamos seguir a programação. Todo mundo está tendo oportunidade, tendo ritmo de jogo, para estarmos o mais próximo do 100% para o dia 27. O torcedor pode ter certeza que estamos fazendo tudo que é possível para chegarmos bem.



"Dia 27, dia 27"

- É difícil, por mais que falemos com o grupo, todo mundo fala do dia 27. Falamos uma coisa, não podemos esquecer, é claro, mas o grupo sempre escuta dia 27, dia 27. Por isso estamos seguindo a nossa programação.

Mais sobre a gestão física dos jogadores

- Tinham jogadores que estavam no limite. Por isso que estou colocando todo mundo para jogar, até porque estamos chegando no final do ano. Nem fiz as contas, mas pode ter certeza que o Flamengo fez 80 jogos esse ano, e não para por aí. O torcedor pode ficar tranquilo. Nossa maior preocupação é recuperar os jogadores que estão no departamento médico.



Tem jogadores que estamos segurando pelo excesso de jogos, pelas três competições que vínhamos fazendo. Os jogadores estavam no limite deles. Por isso estou colocando todo mundo para jogar, para rodar o grupo, para os que vinham jogando jogarem uma vez na semana e não perderem o ritmo de jogo. Nem fiz as contas, mas pode ter certeza que o Flamengo fez 80 jogos esse ano, e não para por aí. O torcedor pode ficar tranquilo. Nossa maior preocupação é recuperar os jogadores que estão no departamento médico.

Volta de Filipe Luís

- A gente soltou o Filipe e ele foi bem. É a mesma preocupação que temos com o Pedro, o Caio, o Arrascaeta. Se ele nos passar confiança, fizer toda a rotina de treinamento, aí a gente solta eles contra o Inter e o Grêmio.



Gol no fim renova o oxigênio

- O oxigênio estamos dando para o grupo. É lógico que essa energia do torcedor é muito importante. Eu venho falando há muito tempo que estamos preparando o grupo para o dia 27 sem esquecer do Brasileiro. A cada rodada fica mais difícil, nosso maior adversário vem ganhando seus jogos. Mas não vamos desistir. Vamos buscar sempre as vitórias. O torcedor tem o direito de sonhar. Nós, profissionais, mantemos os pés no chão. Sabemos da importância da decisão. Vamos enfrentar um time bem treinado, um grande clube. Os dois times têm condições de levantar a taça, mas só um vai ser campeão. Tenho certeza que será um grande jogo. Aqui dentro seguimos treinando para dar de presente ao nosso torcedor o título, mas sabemos que não é nada fácil.

Opção por Vitor Gabriel titular

- Eu dou moral para todos os jogadores. Eu não treino dois ou três jogadores, eu treino um grupo. Ele tem a confiança do treinador, da comissão técnica, da diretoria e do próprio grupo. Se ele está ali é porque tem nos ajudado. Vamos pensando jogo a jogo. Temos mais dois jogos pela frente, contra o Internacional, no sábado, e contra o Grêmio, na terça-feira. E vamos tentar recuperar para que todos do grupo estejam à disposição dia 27.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: André Durão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário