quinta-feira, 18 de novembro de 2021

Flamengo reata laços com a torcida e cresce na reta de chegada para final




Por Leo Burlá | Uol: Maracanã cheio, um resultado de 1 a 0 conquistado na marra, muita disposição diante do Corinthians e uma sequência de três partidas seguidas com vitórias. Em questão de dias, o Flamengo chutou a crise para longe e vê o horizonte clarear para a final da Libertadores .



No adeus do time ao torcedor, um Fla recheado de reservas mostrou alguns problemas já conhecidos na hora de criar e finalizar as jogadas, mas compensou suas deficiências com muita dedicação.

Mesmo que por vias tortas, o técnico Renato Gaúcho, que ainda soma muitos problemas por conta de lesões, vai dando quilometragem para o elenco e ganha opções para encarar Internacional , Grêmio e, claro, o Palmeiras . No jogo de ontem (17), nomes como Matheuzinho, João Gomes e Rodinei somaram pontos importantes e ganham força no grupo.



"Por isso estou colocando todo mundo para jogar, estou rodando o grupo. Se parar para fazer as contas, o Flamengo já fez 80 jogos esse ano. O cansaço é normal. Estamos dando ritmo para alguns e os outros não estamos perdendo ritmo. Nossa preocupação é recuperar todo mundo. D ou moral para todos, eu treino um grupo e todo mundo está tendo suas oportunidades", disse ele, que completou:

"É um pouco cedo para falar quem vai (jogar a final da Libertadores), quem vai estar à disposição. É uma programação do clube dar ritmo de jogos para todo mundo. Os jogadores estão saindo do departamento médico. Faltam o Arrascaeta e o Pedro. E o Rodrigo Caio nós vamos avaliando, a resposta quem dá é o jogador".



Diante do Alvinegro, os donos da casa deram poucas oportunidades para o rival sair de seu campo de defesa e foram empurrados por um Maracanã que não parou de apoiar um só segundo. Após dias de uma relação que ficou estremecida por mau desempenho e resultados ruins, o Rubro-Negro reatou laços com seu torcedor e espera manter a chama acesa.

Amanhã (19), a delegação parte para Porto Alegre, local das partidas contra a dupla Gre-nal, e uma grande manifestação por pontos do Rio de Janeiro está sendo organizada para que o elenco viaje abraçado pelo seu torcedor.



"Por mais que a gente fale para o grupo, todo mundo fala do dia 27 de novembro. A energia da torcida foi fundamental, hoje (ontem) a vitória é dela. Deu um exemplo, deu um show. A gente precisava disso. Nos comportamos muito bem, o torcedor esteve com a equipe os 90 minutos", afirmou o treinador.

Não bastassem as contusões que assombram o clube, Bruno Henrique, autor do gol da vitória, deixou o campo com dores no joelho e será reavaliado no CT. Após recuperar o ambiente e reencontrar as vitórias, o Fla espera só boas notícias até o apito final em Montevidéu.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário