sexta-feira, 12 de novembro de 2021

Ex-Flamengo se destaca em Portugal e possível negociação vai gerar boa grana ao rubro-negro




Torcedores.com: Lucas Silva está cada vez mais consolidado no futebol europeu. Cria das divisões de base do Flamengo, o atacante tem indicado que, enfim, conseguiu reconhecimento na carreira com a camisa do Paços de Ferreira, que ocupa a 11ª colocação no Campeonato Português.



Hoje, aos 23 anos, ele é um dos principais destaques da competição na atual temporada. Lucas Silva é o maior driblador do torneio, com uma média de 2,89 dribles por partida. O problema é que nem sempre o time consegue transformar a maioria dos dribles em chances de gol.

Com apenas nove gols marcados, Paços Ferreira tem o segundo pior ataque do Campeonato Português. O time só está atrás de Belenenses e Santa Clara que marcaram, até o momento, somente sete tentos.



Apesar disso, Lucas Silva vive a expectativa de ser negociado na janela de transferências de janeiro. O Torcedores.com apurou que o empresário do jogador, Márcio Bittencourt, recebeu consultas concretas do Porto e Sporting.

Com contrato válido até junho de 2023, o atacante está avaliado em 300 mil euros (R$ 1,8 milhão, pela cotação atual). E a sua multa rescisória está estipulada em 10 milhões de euros (R$ 61,8 milhões). Entretanto, o valor é considerado “negociável” pela dupla.



Lucas Silva não conseguiu se firmar no Flamengo

Após surgir com status de grande promessa nas divisões de base, Lucas Silva não conseguiu se firmar no grupo principal do Flamengo. Em 2018, ele foi promovido pelo técnico Paulo César Carpegiani após ser um dos destaques do time na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Desde então, o jovem disputou 22 partidas e fez dois gols entre 2018 e 2020. Além disso, teve pouco espaço com Maurício Barbieri, Dorival Júnior, Abel Braga e Jorge Jesus. Pouco aproveitado, foi liberado no ano passado para acertar com o Paços de Ferreira.



A negociação não gerou dinheiro aos cofres do Flamengo. Entretanto, o clube conseguiu manter 30% dos direitos econômicos do jogador pensando em uma negociação futura. Em outras palavras, o rubro-negro terá as finanças reforçadas caso o atleta seja negociado.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário