segunda-feira, 9 de março de 2020

Da TV aos prêmios e bilheteria: como Flamengo fez R$ 910 milhões só no futebol em 2019 e quanto gastou para se reforçar



O Flamengo divulgou, em seu site oficial, o relatório de gestão referente a 2019 com detalhes de suas finanças no ano em que foi campeão brasileiro e da Copa Libertadores, além do Carioca. No total, o clube faturou R$ 939 milhões, sendo que R$ 910 milhões vieram só do futebol.


Para registrar a maior receita da história do futebol brasileiro, o Flamengo bateu recorde em diversas frentes. A maior fonte de dinheiro veio de direitos de transmissão de TV, o que inclui premiações pelos títulos conquistados: R$ 342 milhões, bem mais do que em 2018, por exemplo, quando foram R$ 222 milhões.

As vendas de jogadores também foram providenciais para o resultado, com R$ 300 milhões em direitos federativos. Outro recorde foi registrado em bilheteria, que rendeu R$ 114 milhões brutos ao clube - sendo que 42,1% ou R$ 48 milhões chegaram de fato aos cofres, ou seja, a receita líquida.

Completam a receita total do futebol os ganhos com patrocínio e sócio-torcedor, R$ 129 milhões, e a rúbrica "outros", que o Flamengo aponta R$ 25 milhões.


Já em relação aos gastos, o Flamengo detalha no relatório quanto pagou para se reforçar. Em 2019, com as chegadas de Rodrigo Caio, Gabigol, Arrascaeta, Bruno Henrique, Rafinha, Pablo Marí, Gerson e Filipe Luís, foram R$ 209 milhões.

Em 2020, o Flamengo já publicou também detalhes dos investimentos feitos por Pedro Rocha, Thiago Maia, Pedro, Léo Pereira, Michael e Thiago (ex-Náutico): mais R$ 84,9 milhões, totalizando quase R$ 294 milhões em contratações nos dois anos.

Vale ressaltar ainda que, para a atual temporada, o Flamengo também investiu para comprar Gabigol da Inter de Milão e trazer Gustavo Henrique, ex-Santos. Os detalhes dos dois negócios, contudo, ainda não entraram no relatório rubro-negro.


Fonte: https://www.espn.com.br/futebol/artigo/_/id/6742640/como-flamengo-fez-r-910-milhoes-so-no-futebol-em-2019-e-quanto-gastou-para-se-reforcar

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário