Zico comenta amizade e se emociona com a morte de Roberto Dinamite


O Galinho Zico, maior ídolo da história do Flamengo, deixou uma mensagem de carinho ao grande amigo e maior ídolo da história do Vasco, Roberto Dinamite, que faleceu neste domingo, aos 68 anos. Zico falou sobre a longa e duradoura amizade que ambos construíram através do futebol, superando a rivalidade dos clubes que vestiam a camisa.


- É mais um dia muito triste para o nosso futebol e a vida cada vez mais prova que não precisa estarmos trabalhando juntos, ter jogado juntos, para perder um dos grandes amigos. O "Bob" Dinamite foi um dos grandes amigos que fiz no futebol, foram muitos anos. Nós com 17/18 anos começamos juntos no futebol, ele pelo Vasco, eu pelo Flamengo. Tivemos muitos momentos de vitórias e derrotas, mas a amizade sempre foi pautada pelo respeito e carinho - iniciou Zico, que continuou.

- Foram praticamente 50 anos de amizades, grandes momentos vividos. E terminamos agora com a ida dele para o céu. Se tivesse que relembrar grandes momentos: Seleção Brasileira, onde nunca fomos derrotados jogando juntos, Campeonatos Cariocas, Brasileiros, Jogos das Estrelas que ele participou dos primeiros. Enfim, uma amizade sincera. Tive a oportunidade de voltar do Japão para jogar a partida de despedida dele no Maracanã, que muito me honra poder ter usado a camisa do Vasco - disse.

Em seguida, Zico lamentou a morte de Dinamite:

- Tive a oportunidade de conviver muitos anos com ele. Lógico que, quando fomos para a Seleção Brasileira essa amizade se estreitou. Quando paramos de jogar essa amizade foi ficando mais forte com as nossas famílias. É uma perda muito grande, é um dia muito triste, mesmo sabendo dos problemas que ele tinha, sempre torcemos e rezamos por sua recuperação. Que ele descanse, em paz. Que Deus o tenha - completou. 

Em 1993, Zico e Júnior, ídolos do Flamengo, vestiram a camisa do Vasco da Gama em jogo diante do Deportivo La Coruña, que marcou a despedida de Dinamite do futebol profissional. Cerca de 30 mil torcedores foram ao Maracanã para prestigiar o ídolo do Gigante da Colina.

Roberto Dinamite travava uma batalha contra um câncer no intestino desde o fim do ano de 2021 e estava internado desde sábado no Hospital da Unimed, na Barra da Tijuca. Além de ter marcado época como o maior artilheiro do Vasco, ele teve dois mandatos como presidente, entre os anos de 2008 e 2014.

Imagem: Divulgação

- // -

Clique aqui para ver mais notícias do Fla

Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.