Bruno Henrique completa três meses da lesão mais grave da carreira; entenda a recuperação


Há três meses, Bruno Henrique sofreu aquela que seria sua lesão mais grave da carreira. Na quinta-feira, um dia após ser ovacionado no Maracanã, o atacante completou exatos três meses desde que levou a pior em disputa de bola com o zagueiro Marllon, aos 21 minutos e 5 segundos do primeiro tempo da vitória por 2 a 0 sobre o Cuiabá, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.


O jogador passou por cirurgia 11 dias depois em hospital na Zona Sul do Rio de Janeiro. O procedimento foi para reconstruir o ligamento cruzado anterior, o ligamento colateral lateral e o canto posterolateral do joelho direito. Na ocasião, a previsão era de retorno entre abril e junho de 2023, ficando de fora todo o Carioca, fase de grupos da Libertadores e o início do Brasileiro do do ano que vem.


Prazo, etapas vencidas e atual estágio da recuperação

Prazo inalterado: 10 a 12 meses, mesma previsão dada na época da lesão.

Bruno Henrique está na etapa inicial de tratamento. A lesão multiligamentar o fez ficar parado por seis semanas e imobilizado após a cirurgia, sem carga.

Início e atual estágio: Dos três meses iniciais, ele ficou um e meio imobilizado. Tem mostrado muito foco nessas seis semanas na analgesia. O momento é de melhora da dor, tirar edema e ganhar arco de movimento.


Reforço muscular, mas sem correr ainda: há um mês entrou na fase de reforço muscular com a fisioterapia. O processo é concentrado para a volta do movimento da região afetada. O departamento de fisioterapia está cuidando de Bruno Henrique na academia. Já faz alguns exercícios de força, piscina e bicicleta. Mas ainda sem corridas.

Lesão mais grave da carreira

O atacante do Flamengo vivencia o período mais longo afastado dos gramados desde que estreou profissionalmente pelo Uberlândia. O mineiro de Belo Horizonte ainda passou pelo Itumbiara antes de chegar ao Goiás e chamar a atenção do Wolfsburg, da Alemanha, no início de 2016.


Ele retornou ao Brasil em 2017 após um ano na Europa. Pelo Santos, o atacante teve cinco problemas médicos em duas temporadas. A mais grave foi a contusão na retina do olho direito logo na primeira partida do Santos em 2018. Ficou 89 dias afastado e perdeu 19 compromissos oficiais do Peixe no período.

A lesão atual, porém, já é mais longa e tirou Bruno Henrique de mais jogos. Desde 15 de junho, o atacante foi desfalque de 26 jogos do Flamengo até aqui. O jogador participou de 23 das 62 partidas do time carioca em 2022. Antes da cirurgia no joelho, BH já tinha ficado fora de oito duelos rubro-negros no ano.

Pelo Flamengo, Bruno Henrique soma 79 gols e 46 assistências em 186 jogos. O atacante é peça fundamental no time e já conquistou nove títulos pelo Rubro-Negro: a Libertadores de 2019, os Brasileiros de 2019 e 2020, as Supercopas do Brasil de 2020 e 2021, a Recopa Sul-Americana de 2020 e os Cariocas de 2019, 2020 e 2021.

Fonte: Globoesporte.com
Imagem: Divulgação

- // -

Clique aqui para ver mais notícias do Fla

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.