segunda-feira, 16 de agosto de 2021

Com três times portugueses na mira, Flamengo avança projeto de ter clube na Europa




Coluna do Fla: O Flamengo deu novos passos no projeto revolucionário e extraordinário no futebol brasileiro, visando expansão da marca do clube. A ideia é ter um ‘clube filial’ na Europa e, consequentemente, internacionalizar ainda mais as cores rubro-negras. A reportagem da Coluna do Fla confirmou conversas com dois times – apenas o Tondela, equipe da primeira divisão portuguesa, teve o nome revelado. Não há, porém, nada oficial.



No entanto, de acordo com informações inicialmente divulgadas pelo portal ‘O Dia’, outros dois clubes também conversaram com Rodrigo Tostes, VP de finanças do Flamengo: Vizela e Mafra. O dirigente, que estava prestando consultoria ao Comitê Olímpico Internacional (COI) das Olimpíadas, ficou responsável por se reunir com representantes dos times do Velho Continente.

É importante deixar claro que o projeto não terá nenhum aporte financeiro do Flamengo. Ou seja, o avanço no projeto inovador não interfere, por exemplo, na contratação de jogadores. Dito isso, Rodrigo Tostes, que retornou ao Brasil nesta semana, irá se reunir com Rodolfo Landim para definir os próximos passos sobre o possível acordo.

Não há, ainda, nenhuma negociação oficial e/ou assinada pelo Flamengo com qualquer clube do Velho Continente. Sabemos, no entanto, que o Tondela tem condições favoráveis e que se encaixam nas ideias rubro-negras. Criado em 6 de junho de 1933, a equipe portuguesa de cores verde e amarelo (que mudariam para vermelho e preto) nunca caiu para segunda divisão e é proprietário do Estádio João Cardoso (foto acima) – que consequentemente seria do Mais Querido.



Apesar disso, ainda não há nada definido sobre o objetivo rubro-negro: se é buscar um time da elite ou da segunda divisão de seu determinado país. O Conselho Diretor do Flamengo apoia 100% a ideia e a tendência é que tenhamos novidades nos próximos dias. Este plano, mesmo que só revelado recentemente, existe há mais de 12 meses e era guardado sob sigilo por todas partes envolvidas. A expectativa é que a internacionalização comece a ser posta em prática apenas em 2022.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário