sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Em alta, Gabigol assume artilharia do Brasil e mira melhor sequência de gols com a camisa do Flamengo



Os sete jogos sem marcar gols causaram estranhamento por se tratar de alguém como Gabigol. Não que o apelido "Gabiassistência" tenha sido ruim, afinal a seca se transformou em passes que ajudaram o Flamengo a conquistar títulos em 2020. Mas o camisa 9 sentia falta de exercer o seu ofício. A "má fase" passou, os tentos voltaram e ele se aproxima da maior marca artilheira vestindo a camisa do Flamengo — que será igualada se balançar as redes nos próximos dois jogos.


Ao marcar na vitória por 2 a 1 contra o Fluminense, na última quarta-feira, Gabigol anotou pelo quinto jogo seguido (além do Tricolor, marcou contra Grêmio, Botafogo, Santos e Fortaleza) e agora mira além: se chegar a sete, irá superar as suas melhores marcas em 2019 e 2020. O próximo compromisso do Flamengo é contra o Ceará, no domingo, às 18h30, no Castelão.

No ano passado, o artilheiro marcou em sete jogos seguidos entre agosto e setembro (Ceará, Internacional, Palmeiras, Avaí, Santos, Cruzeiro e Internacional novamente). Já neste ano, o camisa 9 abriu a temporada também marcando sete vezes (Resende, Madureira, Fluminense, Athletico, Boavista, Independiente del Valle e Cabofriense).


A excelente fase não para por aí. Gabigol também segue firme para se tornar o primeiro jogador a ser artilheiro do Campeonato Brasileiro por três edições seguidas. Ele liderou o quesito em 2018, pelo Santos, e em 2019, pelo Flamengo. Atualmente está atrás apenas de Thiago Galhardo, do Internacional, e Marinho, do Santos, que marcaram seis vezes na competição.

Artilharia do Brasileirão 2020:
Thiago Galhardo: 6 gols
Marinho: 6 gols
Gabigol: 5 gols
Cano: 5 gols
Luciano: 4 gols

Outro dado importante a favor de Gabigol é que ele empatou com Léo Gamalho, do CRB, e se tornou o artilheiro do Brasil na atual temporada. São 16 gols no total, o que o fizeram superar Nenê, do Fluminense, e Tiago Orobó, que atuou por América-RN e Fortaleza.


Artilheiros do Brasil em 2020:
16 - Gabigol (Flamengo)
16 - Léo Gamalho (CRB)
15 - Nenê (Fluminense)
15 - Tiago Orobó (América-RN/Fortaleza)
14 - Cano (Vasco)
14 - Nunes (Gama)

Gabigol já é um dos dez maiores artilheiros do Fla-Flu neste século. Com o tento na última quarta-feira, chegou ao seu quarto com a camisa rubro-negra e agora ocupa a sexta colocação ao lado do companheiro Bruno Henrique. O líder é Tuta, ex-Fluminense, com sete gols marcados, seguido por Thiago Neves, Renato Abreu e Fred (todos em 2º com seis gols), e Adriano (5º com cinco gols).

Aliás, o Fluminense é uma das principais vítimas de Gabigol pelo Flamengo. Além do Tricolor, o artilheiro também marcou quatro vezes contra Athletico-PR, Fortaleza, Grêmio e Palmeiras.


Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/em-alta-gabigol-assume-artilharia-do-brasil-mira-melhor-sequencia-de-gols-com-camisa-do-flamengo-24632891.html

CURTA NOSSA PÁGINA



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário