quinta-feira, 10 de setembro de 2020

ATUAÇÕES: Teve gol e muito mais! Gabigol é o craque do Flamengo na vitória contra o Fluminense



Ao infinito e além! Na noite desta quarta-feira, o Flamengo ratificou a evolução que passando no comando de Domenec Torrent. Com ótimos 45 minutos iniciais, o Rubro-Negro marcou dois gols e sentenciou o resultado no clássico contra o Fluminense no Maracanã. Os destaques foram múltiplos, mas Gabigol recebeu a maior nota. Confira todas as notas! (Por Matheus Dantas - matheusdantas@lancenet.com.br


GABRIEL BATISTA - 7,0
Com o possível retorno de César ao grupo principal no fim de semana, Gabriel encerrou bem sua temporada como titular. No Fla-Flu, o goleiro fez sua primeira defesa apenas aos 7 minutos da etapa final. Até o gol sofrido nos acréscimos, onde não teve culpa, pouco foi exigido.

ISLA - 7,0
O chileno fez mais uma atuação de ótimo nível pelo Flamengo. Bem no apoio, dobrando pelo lado direito com Everton Ribeiro, e cada vez mais seguro na defesa, com a boa cobertura dos volantes. Vem se firmando como nome importante no Rubro-Negro.

RODRIGO CAIO - 7,0
É o xerife rubro-negro. É fundamental na defesa do Flamengo que, a cada jogo, evolui e apresenta-se mais compacta sob o comando de Domènec Torrent. Entre todos atletas, é o único que foi utilizado como titular em todas partidas pelo catalão.

GUSTAVO HENRIQUE - 7,0
Mantido entre os titulares por Dome, acompanhou a boa atuação de seu companheiro. Foi mais exigido na bola aérea e, neste quesito, levou a melhor sob o ataque rival.


FILIPE LUÍS - 7,0
A segurança com que atua com a camisa do Flamengo é coisa rara de se ver. Foi coroado com o gol que abriu o placar no Maracanã. Foi o segundo do lateral pelo Rubro-Negro. Os dois contra o Fluminense, curiosamente.

THIAGO MAIA - 7,5
Sua presença entre os titulares - cobrada e celebrada pelos torcedores - foi justificada com uma apresentação excelente. Na parte defensiva, ótimos desarmes graças ao seu posicionamento e noção de cobertura. Dinâmico, o meia também sabe quando acelerar a partida.

GERSON - 7,0
Com a categoria de sempre, o Coringa teve uma atuação segura. Bem nos duelos contra os meias rivais, também teve boa participação na saída de bola e apareceu bem nos arredores da área do Fluminense.

EVERTON RIBEIRO - 7,0
A regularidade de sempre do camisa 7, por mais que não tenha feito gol - como nas rodadas anteriores - ou dado assistências. Apareceu bem em todas faixas do campo. Deixa tudo em campo, dando sua contribuição também defensiva.


DIEGO - 7,0
Sua presença foi a surpresa de Dome para o clássico e mostrou-se uma boa solução. Carimbou a bola no meio de campo e, com um homem a mais por ali, o Flamengo teve ainda mais o domínio do setor. Fez três desarmes e só errou dois dos 34 passes que tentou.

ARRASCAETA - 6,0
Não viveu uma noite de muito brilho. Aberto pela direita, até arriscou alguns chutes, mas perdeu muitas bolas e também não teve grande aproveitamento nos passes.

GABRIEL BARBOSA - 8,0
De volta ao time titular, Gabigol segue cumprindo seu papel: balançou a rede adversária pela quinta rodada consecutiva. Entre uma chance perdida e bons lances nos quais serviu os companheiros, justificou a sua importância no Flamengo.

VITINHO - 6,5
Entrou no lugar de Arrascaeta e, logo em suas primeiras participações, levou perigo à meta de Muriel. Depois, com o jogo resolvido, não foi tão mais acionado.


WILLIAN ARÃO - 6,0
Entrou para defender a entrada da área rubro-negra e cumpriu seu papel enquanto esteve em campo.

MICHAEL - 6,0
Foi acionado por Domènec Torrent já nos minutos finais. Os poucos minutos em campo foram suficientes para o veloz atacante criar problemas para a defesa rival.

MATHEUZINHO - 6,0
No lugar de Isla, já na parte final do jogo, ganhou mais alguns minutos sob o comando do técnico espanhol.

RAMON - Sem nota
Entrou já nos acréscimos da etapa final.

DOMÈNEC TORRENT - 7,0
Com um futebol consistente - em especial na primeira etapa -, o Flamengo tornou o jogo fácil, apesar do susto com o gol sofrido nos acréscimos. A equipe vem evoluindo a cada jogo e, no Fla-Flu, atuou de forma mais compacta, com a defesa menos exposta, por exemplo.


Fonte: https://www.lance.com.br/galerias/atuacoes-teve-gol-e-muito-mais-gabigol-e-o-craque-do-flamengo-na-vitoria-contra-o-fluminense/

CURTA NOSSA PÁGINA




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário