domingo, 4 de abril de 2021

Leo Pereira admite dificuldade no Flamengo, mas conta com confiança de Ceni para buscar recuperar espaço em 2021



Por Felipe Schmidt | GE: Alvo antigo do Flamengo, Leo Pereira foi contratado pelo clube em 2020 como o substituto de Pablo Marí. A primeira temporada no Rio de Janeiro, porém, não saiu como planejado. O zagueiro precisou conviver com críticas da torcida, perdeu espaço no elenco e quase não foi utilizado na reta final do Campeonato Brasileiro.


Isso, porém, não abalou a confiança da diretoria no zagueiro. O técnico Rogério Ceni já comunicou que conta com o jogador para a temporada, decisão reforçada pela departamento de futebol ao staff do atleta. Uma proposta do Besiktas, em janeiro, não avançou. Leo, agora, se concentra em recuperar espaço, ciente do que precisa melhorar.

- Foi uma primeira temporada de muito aprendizado. Faço muito uma autocrítica em relação ao meu trabalho e sei que tenho muito a evoluir e aprender no dia a dia. O Flamengo é um clube com um elenco repleto de bons jogadores, então as oportunidades aparecem para todos e quem joga dá conta do recado. Sigo trabalhando para conquistar meu espaço e agarrar as oportunidades - disse o zagueiro ao ge.



Criado na base do Athletico, Leo também demorou a se firmar no seu clube de origem. Teve passagens por empréstimo no Náutico e no Orlando City antes de conseguir sequência.

Na ida para o Rio de Janeiro, ele admite que teve dificuldades com a adaptação e também com o estilo de jogo do Flamengo. A pandemia de coronavírus, com todas as consequências, foi outro obstáculo.

- A adaptação e o estilo de jogo (foram as dificuldades). Mas como falei, sei o que fiz e o que posso melhorar, e é nisso que eu acredito. A pandemia atrapalhou bastante as questões física e mental, tudo isso acabou sendo prejudicial para todos nós. Espero que nessa segunda temporada eu entre em campo ainda mais preparado, com a parte tática e física em dia. Acredito que posso fazer bons jogos pelo Flamengo.



Leo iniciou a nova temporada antes do grupo principal do Flamengo. Junto com outros companheiros, atuou em três partidas do Campeonato Carioca, uma forma de ganhar ritmo e evoluir fisicamente.

- Partidas importantíssimas para pegar confiança e ritmo de jogo. Esse ano devemos ter um calendário apertado novamente, então vou usar esse início de temporada para aprimorar a parte física e estar acostumado com a sequência de jogos que teremos em 2021.

Com a volta do grupo principal, Leo ficou na reserva na vitória sobre o Bangu. A recuperação de Rodrigo Caio, a utilização de Willian Arão na zaga e a contratação de Bruno Viana aumentaram a concorrência por vaga na defesa.



Para Leo Pereira, porém, conta também a relação com Rogério Ceni. O voto de confiança do treinador no zagueiro é um fator de esperança para 2021.

- (Rogério Ceni) é um cara que eu admirava como jogador e admiro ainda mais como treinador. Muito inteligente, abraçou o grupo e essa confiança no dia a dia é fundamental. Não é à toa que chegou e já conquistou um Brasileiro. Minha admiração pelo profissionalismo dele aumenta a cada dia.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/nos-planos-do-flamengo-leo-pereira-faz-autocritica-e-cre-em-evolucao-sei-que-tenho-muito-a-evoluir.ghtml
Imagem: Marcelo Cortes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário