segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Mesmo sem muitos treinos, Dome faz ajustes e Flamengo evolui



Mais do que os resultados que até o colocaram na liderança momentânea do Brasileirão na tarde de domingo, o Flamengo saiu fortalecido da sequência de quatro jogos em nove dias. Foram três vitórias e um empate nas quais foi possível observar melhora em certos aspectos - apesar do tempo para Dome Torrent trabalhar com o grupo praticamente inexistir. Para o treinador, a evolução se dá a medida que o time "joga cada dia mais automaticamente".



- Jogamos com muita rapidez, o que sempre peço e gosto muito. Esse time cada dia joga mais automaticamente. Quando acontece, ficamos felizes. Eles se divertem em campo. Estamos todos satisfeitos - avaliou Dome após o 5 a 1 sobre o Corinthians, na Neo Química Arena, pela 17ª rodada do Brasileirão.



A SOLUÇÃO VITINHO

O torcedor do Flamengo acostumou-se a ver Arrascaeta atuar como segundo atacante, próximo à área adversária e ao centroavante em questão, seja ele o Gabriel Barbosa seja ele o Pedro. Na ausência do uruguaio, Dome optou por Vitinho nesta função: o camisa 11 atuou próximo à área rival, com liberdade para atacar as costas dos laterais. O resultado foi uma apresentação decisiva do camisa 11, que explorou sua boa finalização e marcou da entrada da área.



- Acho que ele pode jogar em várias posições, mas quando atua como um segundo atacante, de dá uma qualidade importante porque chuta bem com as duas pernas - analisou Dome, após a goleada, ao responder sobre Vitinho.

Na última temporada, Vitinho foi um reserva de luxo para Jorge Jesus, tendo participação importante nas conquistas do Brasileirão, Copa Libertadores e demais títulos. Porém, o Mister sempre o utilizava aberto pelo lado esquerdo.



OFENSIVOS, LATERAIS CONTRIBUEM COM ASSISTÊNCIAS

Outro aspecto importante no time de Dome Torrent é a presença dos laterais no campo ofensivo, como mostram os mapas de calor de Maurício Isla e Filipe Luís acima. A superioridade numérica é importante para "bagunçar" as linhas defensivas rivais e a qualidade técnica dos laterais potencializa isso. Somado a isso, a qualidade técnica dos experientes Isla e Filipe Luís tem contribuído com o time, com os dois apoiando ao mesmo tempo e pisando na área por vezes.

Na vitória sobre o Corinthians, os dois laterais deram assistências: Filipe Luís serviu Everton Ribeiro, enquanto Isla encontrou Bruno Henrique na área.



A função de Vitinho e as presenças ofensivas de Filipe Luís e Isla são exemplos de soluções de Dome à medida que o técnico conhece o grupo e em meio à maratona de jogos que faz com que o treinador trabalhe pouco em campo com o time, uma vez que o dia seguinte ao jogo é dedicado à recuperação física. O comandante, contudo, ainda vê margem para evolução em diferentes aspectos.

- Vamos pouco a pouco. Há três dias empatamos e também foi a cara do Dome. Precisamos melhorar a bola parada. Esses dez minutos que todos os times do mundo se desconectam. Precisamos de pré-temporada, tempo... Só trabalhamos juntos talvez 11 dias, mas cada dia estamos mais felizes com o time. Sabemos que precisamos defender melhor. Vamos com humildade.


- // -

> Veja as últimas informações sobre o Mengão em nossa página principal, Clique Aqui



Fonte: https://www.lance.com.br/flamengo/analise-mesmo-sem-treinos-dome-encontra-solucoes-evolui.html

CURTA NOSSA PÁGINA



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário