quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Garçom e artilheiro, Arrascaeta se reinventa no Flamengo e repete feito raro de Ronaldinho Gaúcho



A discrição seja com a bola nos pés ou nas comemorações colabora para o papel de coadjuvante. O poder de fogo naturalmente coloca Gabriel e Bruno Henrique como protagonistas. Mas os números são irrefutáveis: Arrascaeta não deixa em nada a desejar aos companheiros de ataque quando o assunto é performance em 2019. Tanto que alcançou dois dígitos nas duas principais estatísticas do Brasileirão: gols e assistências.


O feito é raro ao longo da última década e se torna ainda mais impressionante se levado em conta o número de jogos do uruguaio: foram 12 gols e 12 assistências em 21 aparições na competição. Ronaldinho Gaúcho, Bernard (ambos em 2012), Rafael Sobis (2013) e Jadson (2015) já tinham alcançado tal feito, mas todos com 34 ou mais partidas.

Dois dígitos em gols e assistências desde 2010


2012
Ronaldinho (Atlético-MG) - 13 assistências / 10 gols / 34 jogos
Bernard (Atlético-MG) - 12 assistências / 11 gols / 36 jogos


2013
Rafael Sobis (Fluminense) - 10 assistências / 10 gols / 36 jogos


2015
Jadson (Corinthians) - 12 assistências / 13 gols / 34 jogos


2019
Arrascaeta (Flamengo) - 12 assistências / 12 gols / 21 jogos


O equilíbrio de Arrascaeta nas ações ofensivas ajuda muito a explicar o poderio de um Flamengo que quebrou o recorde de gols marcados em uma edição do Brasileirão por pontos corridos com 20 clubes: 80. Com 24 participações diretas, o camisa 14 está empatado com Bruno Henrique (20 gols e 4 assistências) e atrás somente do imparável Gabriel (24 gols e oito assistências).

O sucesso de Gabigol na temporada, por sua vez, passa muito pelo uruguaio. É Arrasca o principal garçom do camisa 9. Dos 42 marcados em 2019, oito saíram de passes decisivos do companheiro que se apresentou ao Flamengo no mesmo dia do artilheiro.


Arrascaeta vive no Rubro-Negro a melhor temporada da carreira, com 16 gols e 17 assistências. O duplo-duplo alcançado no Brasileirão bateu na trave em 2016, quando defendia o Cruzeiro. Na ocasião, foram nove gols e nove assistências.

Números de Arrascaeta em 2019

- Segundo em participação de gols no Brasileirão: 24

- Maior garçom de Gabigol na temporada: 8 assistências

- Melhor temporada da carreira: 16 gols e 17 assistências



Companheiro de meio-campo, Everton Ribeiro foi o principal garçom do Campeonato Brasileiro em duas oportunidades, em 2013 e 2014 (ambas com 11 assistências), quando foi eleito o craque da competição com a camisa do Cruzeiro. Mas não conseguiu ser tão letal nas finalizações. Outro rubro-negro que se aproximou da marca foi Bruno Henrique, com os 11 passes decisivos e oito gols em 2017, quando defendia o Santos.

Discreto por natureza, Arrascaeta faz da simplicidade com que age em campo uma marca que o tira dos holofotes também fora dele. Os números, entretanto, não mentem: dois dígitos em gols e assistências não é algo para qualquer um.

(Nota da redação: a pauta teve como fonte o banco de dados do Cartola FC desde 2010)


Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/garcom-e-artilheiro-arrascaeta-se-reinventa-no-flamengo-e-repete-feito-raro-de-ronaldinho-gaucho.ghtml

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário