sábado, 27 de abril de 2019

'Difícil parar de fazer aquilo que você mais ama', diz Juan em sua despedida



Não dava para ser melhor. Em dia repleto de homenagens para o zagueiro Juan, o Flamengo virou para cima do Cruzeiro neste sábado, venceu por 3 a 1, e deixou o caminho livre o ídolo fazer sua despedida no Maracanã. Aos 45 do segundo tempo, o camisa 4 substituiu Éverton Ribeiro e teve seus últimos momentos diante da torcida rubro-negro.



- Muito feliz pelo jeito que terminou, pelo jeito que começou, e por todos os caminhos que tive. Vou levar pra casa essa noite especial e guardar com carinho. - É sempre difícil parar de fazer aquilo que você mais ama, mas já estava convicto que ia parar - disse, à beira do gramado.

A carreira como atleta profissional se encerrou, mas a vida de Juan seguirá atrelada ao Flamengo. O agora ex-jogador de 40 anos confirmou que, num futuro próximo, assumirá funções administrativas no clube.

- É descansar agora, neste mês e depois começar a estudar, trabalhar, e conhecer mais o dia a dia do clube para ajudar fora do campo.



Ex-goleiro Júlio César marca presença em despedida

Formados na mesma época nas categorias de base do Flamengo, Júlio César e Juan seguem inseparáveis. Companheiro do zagueiro por vários anos também na Seleção Brasileiro, o goleiro entrou no gramado após a vitória rubro-negra para abraçar o amigo.

- Queria que ele se despedisse de uma maneira diferente, jogando (efetivamente). Mas a gente sabe que é difícil, a idade e as lesões atrapalham. Mas vale pelo jogo, o Flamengo fez uma grande partida. Acho que foi um dia perfeito. Todo mundo sabe da nossa história, da nossa amizade. Foi lindo. Agora é um novo ciclo, e ele sabe que tem um parceiro eterno - declarou o ex-camisa 1 da Seleção Brasileira.


Fonte: Lance!

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário