sexta-feira, 23 de outubro de 2020

‘Gol qualificado’ é mantido pela Conmebol como critério de desempate na Libertadores



Atual campeão da Libertadores da América, o Flamengo está classificado para as oitavas de final da edição 2020 da competição e encara o Racing, da Argentina. Nesta temporada, vale ressaltar, que tanto a Liberta quanto a Copa Sul-Americana ainda terão o número de gols marcados fora de casa como critério de desempate nos jogos eliminatórios. O item consta nos regulamentos de ambas as competições, definidos pela Confederação Sul-Americana de Futebol em dezembro de 2019.



Apesar disso, rumores deram conta de que existia a possibilidade do ‘gol qualificado’ acabar a partir deste ano. A ideia teria partido do presente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo, que levou a sugestão a uma reunião realizada pela Conmebol, em outubro do ano passado. À época, o presidente da entidade chegou a se manifestar contra o critério adotado, mas o debate sobre o tema ficou ‘marcado’ para acontecer somente em 2021.

Na ocasião, a Conmebol criou uma espécie de ‘grupo técnico’ para discutir o tema em reunião. No entanto, o conselho da entidade entendeu que não haveria tempo hábil para uma discussão mais aprofundada e, por isso, não seria possível modificar o método adotado para esta edição. Com isso, a CBF deve voltar a debater o assunto com a Confederação Sul-Americana a partir do próximo ano.

O ‘gol qualificado’ ou ‘fora de casa” nada mais é do um método de desempate adotado por algumas competições de futebol que utilizam jogos de ida e volta. Nesse caso, se o placar agregado der empate, ganha quem tiver marcado mais gols na casa do adversário. Dito isso, as competições sob organização da Conmebol seguem em 2020 com o critério de desempate.


- // -

> Veja as últimas informações sobre o Mengão em nossa página principal, Clique Aqui



Fonte: https://colunadofla.com/2020/10/conmebol-mantem-gol-qualificado-como-criterio-de-desempate-na-libertadores/

CURTA NOSSA PÁGINA



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário