sexta-feira, 24 de julho de 2020

Na Europa, Fla quer evitar 'novela' e descarta interino para abrir Série A



A diretoria do Flamengo age com cautela no mercado em busca de um técnico para ocupar a vaga deixada por Jorge Jesus, mas com um olho na tabela do Campeonato Brasileiro. Apesar da calma da cúpula durante esta procura, há uma intenção inicial de começar a competição nacional já com o novo nome à beira do gramado.


O diretor-executivo Bruno Spindel embarca hoje (24) para Portugal, onde vai se encontrar com Marcos Braz, vice-presidente de futebol, para que possam avançar em algumas conversas. Carlos Carvalhal, do Rio Ave, por exemplo, é um dos integrantes da lista de interesse, que conta ainda com outros nomes.

A ideia é que as tratativas não se arrastem muito a ponto de atrapalhar o planejamento para o restante da temporada. No ano passado, Abel Braga pediu demissão em de maio, e o Rubro-Negro anunciou Jorge Jesus em 1º de junho.


Enquanto isso, Maurício Souza, técnico do sub-20, vem comandando o elenco profissional neste retorno aos treinos, após a conquista do Campeonato Carioca. Embora o trabalho seja bem avaliado internamente, não há o pensamento de se realizar uma "promoção forçada" e colocá-lo como interino nesta reta inicial do Brasileiro. A estreia do Flamengo no torneio será em 9 de agosto, contra o Atlético-MG, no Maracanã.

Por outro lado, após a divulgação do calendário sub-20 e sub-17 por parte da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), ontem (23), a diretoria do Rubro-Negro discute o retorno dos treinos presenciais por parte dos jogadores da base e há a chance de o sub-20 voltar na primeira semana de agosto.


Como precaução, também são colocadas à mesa possibilidades para o caso de a categoria retomar os trabalhos e o elenco profissional ainda estar sob o comando de Maurício Souza.

Jorge Jesus deixou o Flamengo há uma semana, após acertar contrato com o Benfica, de Portugal. As partes haviam alinhado a renovação até 2021 no começo de junho, mas o treinador decidiu por aceitar a proposta dos "Encarnados" e retornar ao país natal.

Jesus ficou no Rubro-Negro por 13 meses e marcou época no clube ao conquistar o Campeonato Brasileiro e a Libertadores do ano passado, além da Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana e Campeonato Carioca nesta temporada.


Fonte:https://www.uol.com.br/esporte/futebol/ultimas-noticias/2020/07/24/na-europa-fla-quer-evitar-novela-e-descarta-interino-para-o-brasileiro.htm

CURTA NOSSA PÁGINA




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário