segunda-feira, 27 de julho de 2020

Alvo do Flamengo, Carvalhal é sonho de candidato à presidência do Vasco: 'Sempre nos imitam'



O Flamengo busca um novo treinador para substituir Jorge Jesus e o nome do português Carlos Carvalhal é um dos favoritos. Mas o Rubro-Negro não é o único que deseja contratá-lo. Candidato à presidência do Vasco, Leven Siano relevou o desejo em abril deste ano e sonha em tê-lo em seu clube, mas vestindo as cores cruz-maltinas. Para o advogado de 51 anos, ele se tornará um dos melhores do mundo dentro de cinco anos.


QUEM É: Leven Siano, que prometeu Yaya Touré no Vasco se for presidente

— O [Carlos] Carvalhal, na nossa avaliação, é um dos treinadores europeus com mais potencial de ser um dos melhores do mundo nos próximos cinco anos. Fez um trabalho brilhante no Rio Ave e tem o DNA do Vasco. Joga em linha alta, é ofensivo, é uma caracteristica marcante do Vasco. É o clube dos artilheiros — explica o candidato.

Leven também alfineta o interesse do Flamengo em Carvalhal e lembra ser a segunda vez que o rival busca técnicos que foram sondados anteriormente. Antes, Jorge Jesus acertou com o Rubro-Negro poucos meses depois de o diretor de futebol do Vasco, Alexandre Faria, revelar interesse na contratação. E vai além: acredita que o técnico português terá mais sucesso em São Januário.


— O Flamengo não é um clube que tem muita originialiadde, sempre imita o vascaíno. Foi primeiro com o Jorge Jesus, agora com o Carvalhal. Acho que ele teria muito mais sucesso no Vasco, ele tem perfil para estar aqui. No Flamengo, vai encontrar um time de futebol já montado e com muitas estrelas. Aqui, ele vai participar da comstrução de projeto. Não é um teco-teco em pleno voo. Cabe a ele escolher o melhor para a vida dele — alfineta Leven.

Mesmo com o interesse do Flamengo, o sonho do candidato de levar Carvalhal segue vivo. Porém, admite que a pandemia do novo coronavírus atrapalhou as conversas. Caso eleito, assumirá o clube no returno do Campeonato Brasileiro e, no momento, não vê com bons olhos a troca na comissão técnica.

— [Quando conversamos] Ele tinha contrato e a questão da pandemia atrapalhou. Eu botei um pouco no pé do freio, principalmente depois da questão do Yayá [Touré]. Tenho que ter responsabilidade. Se caso eu venha a ser eleito, vamos estar na segunda fase do Brasileirão. Vai ter uma comissão técnica no meio de um campeonato.


— A conversa [com o Carvalhal] foi mais no sentido de entender se ele estaria disposto de entrar em um sistema onde o treinador não é o protagonista, mas parte de uma engrenagem de uma análise cientifica. Entendemos que essa é uma forma moderna de trabalhar. No Benfica são 14 assistentes, se não me engano. Cada um cuidando de uma parte do esquema tático — completa Leven.

Além de Carvalhal, o Flamengo tem o espanhol Domènec Torrent e o português Leonardo Jardim como opções para o comando. O clube também se reuniu com Fernando Hierro, ex-técnico da seleção da Espanha na Copa do Mundo de 2018.


Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/alvo-do-flamengo-carvalhal-sonho-de-candidato-presidencia-do-vasco-sempre-nos-imitam-24553207.html

CURTA NOSSA PÁGINA




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário