quinta-feira, 7 de maio de 2020

Xodó do Fla, Nego Ney tenta se reerguer após sofrer com hacker e pandemia



Ele ganhou a internet, virou xodó do Gabigol, recebeu chamada de vídeo do Neymar e se tornou um personagem extracampo do Flamengo na conquista do Campeonato Carioca de 2019. Hoje, um ano depois da fama repentina, Arthur Ferreira, o Nego Ney, que completa 9 anos neste sábado, prepara ações para retomar os holofotes.


Após alguns problemas que a família preferiu não revelar, Nego Ney rompeu com a antiga empresária, o que rendeu fim de algumas parcerias. Além disso, ainda segundo familiares, a conta do Instagram, que tinha cerca de dois milhões de seguidores, foi hackeada e, para não ceder ao pedido de pagamento para recuperá-la, decidiu-se criar uma nova — atualmente tem pouco mais de 25 mil fãs.

Apesar de a pandemia de coronavírus ter atrapalhado um pouco os planos iniciais, já que se instalou um cenário de incertezas econômicas, no fim deste mês, o menino deve lançar um funk durante a transmissão de um vídeo ao vivo em uma rede social. Estão sendo previstas também a criação de um canal no YouTube e a retomada de uma associação com uma marca de roupa.

"Minha expectativa é continuar contando, alegrando minha galerinha e, mais para frente, se Deus abençoar, vou ser da telinha. Mas quero continuar cantando meus funks. E em relação ao meu Instagram, quero recuperar meus seguidores porque é de lá que vem meus trabalhos", disse Nego Ney.


Segundo Anne Fox, que ajuda a família no gerenciamento do menino e, inclusive, auxilia com advogados, a intenção é conseguir chegar a quatro milhões de seguidores na nova conta.

"O Instagram tinha tirado do ar os perfis de menores de 13 anos e o dele foi um deles. Depois, conseguiram retornar [com a conta], mas não estavam conseguindo entrar. Foi quando um hacker pediu dinheiro para a reativação, mas a família entendeu que não deveria ceder à chantagem. Recomeçamos do zero, praticamente. Em um ano, queremos estar com quatro milhões de seguidores", indicou ela, afirmando que Giuliane, mãe de Nego Ney, procurou as autoridades.

"Só temos um desejo, que os sonhos do Nego Ney sejam realizados. Ele merece coisas boas", completou.


Nascido em Magalhães Bastos (zona oeste do Rio de Janeiro), Arthur ganhou notoriedade após um vídeo simples viralizar , em que aparecia dançando funk na rua, com o cabelo platinado e apenas vestindo cueca. "Bigodinho fininho, cabelinho na régua... Tô solteiro.. Nego Ney, Nego Ney".


O atacante Gabigol logo "abraçou" o menino, assim como o próprio Flamengo. Além de entrar em campo de mãos dadas, o camisa 9 comemorou um gol com a dança do jovem e o levou a um programa do canal Fox Sports. O menino foi atração no lançamento do uniforme do Rubro-Negro para a temporada de 2019 e tema de um vídeo na FlaTV.

À época, por intermédio do MC Nego do Borel, chegou a conversar, por vídeo, com Neymar . Além disso, assinou com uma produtora e gravou um clipe, que contou com a participação também de David Brazil.

A fama de Nego Ney também chegou à seleção brasileira. O meia Lucas Santos, convocado por Tite para os amistosos contra Panamá e República Tcheca, fez a dança durante o trote aos novatos , arrancando risadas dos companheiros.

Agora, Arthur Ferreira, aos poucos, retomar o mesmo sucesso que teve há pouco tempo.


Fonte: https://www.uol.com.br/esporte/futebol/ultimas-noticias/2020/05/07/xodo-do-fla-nego-ney-tenta-se-reerguer-apos-sofrer-com-hacker-e-pandemia.htm

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário