quinta-feira, 9 de abril de 2020

Forlán analisa futebol de Arrascaeta: 'Ainda não conseguiu fazer na seleção o que faz no Flamengo'



Diego Forlán, um dos maiores nomes da história da seleção uruguaia, é o convidado especial da próxima edição do "Resenha ESPN de casa". Comandada por André Pihal, a atração que irá ao ar no sábado, a partir das 17h, conta com a participação dos ex-jogadores e atuais comentaristas Alex, Silas e Djalminha.


Ao longo do programa, Forlán comentou as principais passagens de sua carreira e de analisou o momento do compatriota Giorgian Arrascaeta pelo Flamengo. Para o ex-jogador, o talento do meia-atacante é muito mais celebrado no Brasil do que em seu país natal.

- Ele é muito reconhecido, óbvio. Nós que sabemos de futebol sabemos o que ele faz e conhecemos a qualidade dele. Mas ainda não conseguiu na seleção fazer o que fez no Flamengo. É difícil falar, ele não teve tantas oportunidades - analisou o ídolo uruguaio, que sem titubear, também elegeu seu melhor companheiro de ataque na Celeste Olímpica:


- Suárez. Ele encaixava melhor. Eu não gostava de ficar entre os zagueiros e o Suárez gosta mais de ficar ali. O Cavani tem um estilo parecido com o meu jogo.

Forlán também recordou os bastidores do tempo de seleção uruguaia. Em passagem bem humorada, o craque revelou e como é “complicado” dividir quarto com seu xará e ídolo do São Paulo, Diego Lugano.

- Eu dividi quarto com ele mais de 11 anos pela seleção. Era roupa jogada em tudo o que é lugar, e depois eu que recolhia. Nós dois somos caras que querem ganhar, sempre. Mas nisso somos completamente diferentes. No campo ele também ficava bem mais bravo que eu - contou o ex-atacante.


Fonte: Lance!

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário