quarta-feira, 15 de abril de 2020

Ferj e clubes do RJ apresentam protocolo 'Jogo Seguro' para tentar viabilizar retorno do Carioca



Com o futebol brasileiro paralisado há cerca de um mês por conta do coronavírus, a Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) elaborou um protocolo em conjunto com os clubes da Série A do Rio de Janeiro para tentar viabilizar o retorno do Campeonato Carioca.


O protocolo foi feito em conjunto com os médicos de Flamengo , Fluminense , Vasco e Botafogo , bem como o presidente cruz-maltino, Alexandre Campello, que também é médico, e foi batizado de "Jogo Seguro".

Segundo a Ferj, o protocolo foi fundamentado em conceitos da Organização Mundial de Saúde, Ministério da Saúde, Conselho Federal de Medicina, Associação Médica Brasileira e Sociedades Médicas Especializadas será entregue aos órgãos governamentais.

Veja abaixo a nota oficial publicada pela federação:

O protocolo Jogo Seguro, produzido em conjunto pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro e os médicos dos clubes que disputam a Série A do Campeonato Carioca - inclusive o presidente do Vasco, também médico, Alexandre Campello -, teve a sua redação final aprovada nesta quarta-feira (dia 15/04).



O documento, com 12 páginas, fundamentado em conceitos da Organização Mundial de Saúde, Ministério da Saúde, Conselho Federal de Medicina, Associação Médica Brasileira e Sociedades Médicas Especializadas será entregue aos órgãos governamentais, em momento oportuno, para apreciação e possíveis recomendações e servirá como "guidelines" para todos os clubes quando do reinício progressivo das atividades de treinamento.

Objetivos, aspectos técnicos sobre o Coronavirus e a Covid-19, pré-requisitos para retorno às atividades de treinamento, testes diagnósticos, transporte, vestiários, fisioterapia, departamento médico, nutrição, academia, rouparia/lavanderia e rotina de treinos foram itens detalhados no documento intitulado RECOMENDAÇÕES MÉDICAS PARA RETORNO AO FUTEBOL.

Cabe ressaltar que alterações, ajustes, aperfeiçoamentos e adequações poderão ser feitos a qualquer tempo.

Agência FERJ



Fonte: Espn

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário