sábado, 10 de agosto de 2019

Vice de futebol do Flamengo revela conversa por vídeo e cita "complexidade" de Balotelli



Depois da vitória por 3 a 1 sobre o Grêmio no Maracanã, o vice presidente de futebol do Flamengo Marcos Braz concedeu entrevista sobre um dos assuntos que despertam maior interesse da torcida no momento: Balotelli. Ele revelou conversa por vídeo e disse que ainda não há proposta oficial, mas que o atacante italiano topou uma possível vinda ao Brasil.



- O Balotelli é uma negociação que não é tão fácil, é complicada. É estrangeiro, envolve outros cuidados, até na parte dos documentos. Mas não está nem perto disso aí. Em todas as janelas, quando a gente se sentia confortável, a gente pegava e viajava para tentar fazer a operação. Vamos dirimindo, não quer dizer que esteja perto ou longe. Não posso falar muito. De fato, o Flamengo tem interesse, mas não tem nada oficial. Não tem proposta, por enquanto estamos equacionando os pontos, o jogador também. Com calma vamos ver o que podemos fazer até semana que vem.

- A primeira pergunta que fiz a ele é se ele gostaria de jogar no Flamengo, se jogaria no Brasil. Falei por videoconferência. De pronto ele falou que gostaria de jogar no Brasil e que se a gente chegasse a um acordo não teria nenhum problema, nenhum desconforto dele. Não seria demérito ele sair da Europa.



Sobre uma ida à Europa para acertar detalhes com o possível reforço, Braz disse que a diretoria rubro-negra ainda analisa a possibilidade. O vice-presidente evitou usar o termo "problemas", mas pontuou a complexidade de Balotelli.

- Acho que a gente vai dirimindo as questões de um lado e de outro. Se a gente seguir confortável, eu e o Bruno (Spindel, diretor de futebol), a gente viaja. Se não, a gente tem um elenco acima da média e que consegue disputar as competições daqui para frente. O Balotelli reforçaria ainda mais o elenco, que é o nosso objetivo. Se não vier não pode ter nenhum tipo de frustração. A janela nossa foi boa, fizemos um bom trabalho.

- Ainda temos que ver tempo de contrato, questões que tem que se tomar cuidado em relação ao processo dele. É um jogador que a gente sabe, não vou falar problemas, mas tem complexidade para administrar as questões. Não tenho problema nenhum com isso, consegui administrar outros jogadores. Ele tem um nível muito bom, os últimos dois anos dele não têm nada a ver com os outros anos questionáveis.



Por fim, Marcos Braz disse que, apesar do pedido de Jorge Jesus, o Flamengo no momento não trabalha com outros nomes para reforçar seu ataque.

- Não há nenhum plano B. A gente entendeu que tinha a oportunidade de entrar nesse processo. Tem um pedido do Jorge Jesus desde o primeiro momento, só que um pedido que em nenhum momento a gente prometeu que ia dar a qualquer custo. Temos a parte financeira, a responsabilidade. Vamos respeitar tudo isso. Se puder contratar, vamos. Se não, vamos com esse elenco que tenho certeza que é acima da média - concluiu.


Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/vice-de-futebol-do-flamengo-revela-conversa-por-video-e-cita-complexidade-de-balotelli.ghtml

Curta nossa Página




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário