domingo, 31 de julho de 2022

Marinho explica o quê mudou no Flamengo com chegada de Dorival e saída de Paulo Sousa




Lance!: Em meio a decisões nas competições mata-mata, o Flamengo entrou em campo recheados de reservas, mas goleou o Atlético-GO por 4 a 1 na noite deste sábado, no Maracanã. Um dos nomes do jogo foi Marinho. Fora de posição com Paulo Sousa, o atacante avaliou o bom momento após a chegada de Dorival Jr e deu uma alfinetada no antigo treinador. Em entrevista na zona mista, ressaltou a alegria de vestir rubro-negro.



- Acho que ficou muito claro. Cada treinador tem a sua forma de trabalhar, a gente não vinha vivendo um momento bom, era de desconfiança dos torcedores. É normal, jogamos em um gigante. Os resultados não estavam vindo e é normal a cobrança. O Dorival chegou e conseguiu unir mais e mostrar que confiava na gente. Todos os jogadores têm crescido e aproveitado a oportunidade, mostrando que o Flamengo é grande e vários jogadores têm chegado para voarmos cada vez mais. Na hora que o Dorival olhar para o banco tem vários jogadores de qualidade para crescer - afirmou.

- Eu estou muito feliz. Independente das circunstâncias, mas sempre estive feliz. A gente sempre quer jogar na posição que as pessoas nos conhecem, mas não aconteceu. Sempre estive feliz e acho que as coisas começaram a clarear mais, chegou um treinador que me conhece. O Flamengo é um privilégio grande, jogadores de qualidade, chegando outros de nível muito alto. Que a gente possa ir bem porque a dor de cabeça vai ser grande para o homem - completou.



Paulo Sousa foi demitido do Flamengo em 9 de junho e logo depois Dorival foi anunciado. Desde a chegada do treinador, são nove vitórias, um empate e quatro derrotas. Marinho tem três partidas como titular e seis saindo do banco de reservas.

- Eu tive oportunidade com o Paulo Sousa, talvez na posição que eu não queria jogar. Mas eu sempre coloquei o Flamengo na frente da minha vontade. Não era lateral, mas sempre entrava e tentava o meu melhor. Às vezes as coisas não aconteciam. O Paulo Sousa sempre me respeitou, sempre respeitei ele. Mas mudou o treinador, a forma de jogar. O Dorival deu confiança a todos e temos dado resultado.



Com o resultado, o Rubro-Negro carioca fica em quarto lugar, com 33 pontos, mas ainda pode cair ao final da rodada. O Flamengo agora vira a chave para as quartas de final da Libertadores. Na terça-feira, abre o confronto contra o Corinthians na Neo Quimica Arena, às 21h30. Pelo Brasileirão o próximo jogo é diante do São Paulo, sábado, fora de casa.

- É continuar o trabalho que a gente vem fazendo sem inventar demais. Manter os pés no chão, sabemos que é difícil, o Corinthians é uma grande equipe, vamos nos preparar para fazer um grande jogo - finalizou.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário