segunda-feira, 27 de dezembro de 2021

Na iminência de perder técnico para o Flamengo, presidente da Federação Polonesa convoca reunião extraordinária




Espn: Na iminência de perder Paulo Sousa para o Flamengo , Cezary Kulesza , presidente da Federação Polonesa de Futebol, convocou uma reunião extraordinária para a próxima quarta-feira (29) .



O anúncio foi feito pela conta oficial da seleção polonesa no Twitter e reunirá o Conselho da Federaçao. Veja abaixo:

"O presidente da Federação Polonesa de Futebol, Cezary Kulesza, convocou uma reunião extraordinária do Conselho da Federação Polonesa de Futebol na quarta-feira, 29 de dezembro de 2021".



O dirigente já havia criticado a postura de Paulo Sousa. Kulesza detonou o português pela postura. Segundo ele, o técnico foi irresponsável e teve um discurso inconsistente com o que havia dito no passado .

Conforme apurou a ESPN , na negociação com o português, o Flamengo assinará por dois anos. Além disso, permitirá que o profissional venha trabalhar com uma comissão técnica mais robusta, diferente do que aconteceu com Domènec Torrent, Rogério Ceni e Renato Gaúcho, ambos apenas com auxiliares. Ao todo, Sousa terá seis membros na comissão técnica.



A intenção do Flamengo é ter Paulo Sousa já na reapresentação do clube, marcada para o dia 10 de janeiro, no Ninho do Urubu. O treinador ficará alguns dias na Europa para agilizar questões burocráticas e finalizar a mudança.

Paulo Sousa também vai arcar com a multa rescisória de 300 mil euros, cerca de R$ 1,9 milhão. Ele gostaria de conversar com os seus jogadores, em especial Robert Lewandowski, mas a notícia acabou vazando e sendo rebatida até mesmo pelo presidente de federação polonesa, Cezary Kulesza, que detonou o treinador, o chamando de irresponsável.



Aos 51 anos, ele acumula passagens por clubes da Europa, em especial na Inglaterra. Paulo Sousa já treinou o QPR e o Leicester City , além do Swansea, de País de Gales.

Além disso, comandou o Videoton, da Hungria, Maccabi Tel Aviv, de Israel, Basel , da Suíça, Fiorentina, na Itália, Tiangin Quantian, da China, e o Bordeaux , na França.


- // -

VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário