quinta-feira, 2 de julho de 2020

Jornalista comenta briga entre Globo e Flamengo e diz: 'Vasco foi um insignificante marisco'



Durante a pandemia do coronavírus, Flamengo e Vasco pressionaram pela volta do Cariocão e, juntos, representados por seus presidentes, visitaram o Jair Bolsonaro visando o retorno das atividades. Contudo, a briga do Rubro-Negro com a Globo, que encerrou a transmissão do torneio, prejudicou o Cruz-maltino, que não terá partidas televisionadas. O jornalista Menon comentou a situação do Vasco.


"A MP foi assinada após uma vistos de Landim, presidente do Flamengo, e Campello, presidente do Vasco a Jair Bolsonaro. O Flamengo, forte financeiramente, tentou vender o direito de seus jogos para a televisão aberta. Não conseguiu e transmitiu, ele mesmo, o jogo, com a sua televisão no YouTube. Foi um sucesso. Mais de 2 milhões de pessoas acompanharam.", escreveu Menon em seu blog no 'Uol', antes de encerrar:

"E o Vasco, que está seguindo os argumentos do Flamengo? Vai ficar sem jogos na Globo. E não vai dar retorno a seus patrocinadores. Vai explicar como? O Vasco pensou ser forte como o Flamengo e saiu sem nada. Deveria ter percebido isso ao aceitar ser coadjuvante do grande rival. Na briga do rochedo contra o mar, o Vasco foi um insignificante marisco", complementou Menon.


Fonte: https://odia.ig.com.br/esporte/flamengo/2020/07/5944641-jornalista-comenta-briga-entre-globo-e-flamengo-e-diz---vasco-foi-um-insignificante-marisco.html

CURTA NOSSA PÁGINA




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário